NOVA RÁDIO CLUBE SERRINHA 24 HORAS NO AR

RADIOS NET:MELHOR PLATAFORMA DE RÁDIOS

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
DISSE JEOVÁ DEUS: "Jeová disse então a Moisés e a Arão: “Se Faraó lhes disser: ‘Façam um milagre’, diga a Arão: ‘Pegue o seu bastão e jogue-o no chão diante de Faraó.’ O bastão se transformará numa cobra grande.”De modo que Moisés e Arão se apresentaram a Faraó e fizeram exatamente como Jeová havia ordenado. Arão jogou seu bastão no chão diante de Faraó e dos servos dele, e o bastão se transformou numa cobra grande. No entanto, Faraó convocou os sábios e os feiticeiros; e os sacerdotes-magos do Egito fizeram a mesma coisa com a sua magia. Cada um deles jogou seu bastão no chão, e eles se transformaram em cobras grandes; mas o bastão de Arão engoliu os bastões deles. Ainda assim, o coração de Faraó ficou endurecido, e ele não os escutou, assim como Jeová havia falado".Êxodo 7:1-25

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2021

Rui sai em defesa de Bruno Reis após protesto por retorno às aulas e diz que toque de recolher é um alerta

 

O governador Rui Costa (PT) afirmou nesta quarta-feira (17) que ligou para o prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), para se solidarizar após o democrata ser alvo de protestos de pais que querem o retorno das aulas presenciais na capital baiana.

Em entrevista a um programa local, o petista disse que deixou de lado as diferenças políticas e procurou o prefeito.

Rui defende que é melhor ter as pessoas com "energia" para protestar em virtude das medidas restritivas para evitar a disseminação da Covid-19,  do que vê-las em "cemitérios" ou em busca de hospitais para internar familiares contaminados com a doença.

"Eu me solidarizei com Bruno pelas manifestações, disse a ele que se orgulhe de, pelo menos, com essas atitudes estarmos conseguindo deixar as pessoas com saúde e energia para protestar. Caso contrário, estariam no cemitério enterrando familiares, ainda que em hospitais privados, apelando e gritando desesperadamente por uma vaga para colocar o seu parente", assegurou Rui.

Sobre o toque de recolher que entrará em vigor na próxima sexta-feira (19), Rui Costa avisou que por ora se trata de um "grande alarme" para advertir a população sobre a necessidade de manter o distanciamento social e usar a máscara de proteção individual.

Apesar de alguns considerarem um exagero a medida, o governador diz que foi procurado por outros prefeitos que pediram ainda que o toque de recolher começasse a valer ainda mais cedo, mas que neste momento é para encarar a medida como um aviso, em meio ao agravamento da pandemia do novo coronavírus.

"Inicialmente queremos ligar a sirene, um grande alarme que é o toque de recolher, para que as pessoas entendam que não é retórica, que está acontecendo o crescimento de casos, de mortes, e precisamos inibir essa farra", destacou o petista, que reforçou a importância de tentar coibir justamente os locais onde se consome bebida alcóolica.

"O momento que mais se descuidam é quando bebem bebida alcoólica, pois ficam sem máscaras, nos paredões nas ruas, e aí os jovens levam as doenças para dentro de casa", lamenta.

Rui explicou que hoje 10 hospitais da rede estadual já estão com 100% de ocupação dos leitos de UTI e muitos pacientes estão sendo realocados para outras unidades de saúde em busca de atendimento.