OS ENCANTOS DA ZONA RURAL

OS ENCANTOS DA ZONA RURAL

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET  MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

Você está ouvindo:Rádio Clube Serrinha.NET

ARENA SHOPPING SERRINHA.: O MAIS MODERNO CAMPO SOCIETY DA CIDADE

ARENA SHOPPING SERRINHA.: O MAIS MODERNO CAMPO SOCIETY DA CIDADE
ARENA SHOPPING SERRINHA. Muito boa a iniciativa de trazer mais uma opção de lazer para a nossa cidade, além de valorizar mais o local onde se encontra o referido empreendimento!!!!

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE
Endereço: Av. Dep. Manoel Novaes, 670 - Centro, Serrinha - BA, 48700-000 Telefone: (75) 3261-1889

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
DISSE JEOVÁ DEUS:"Foi em vão que golpeei os seus filhos.Eles não aceitaram a disciplina.A própria espada de vocês devorou os seus profetas,Como um leão destruidor. Vocês desta geração, prestem atenção à palavra de Jeová. Será que eu me tornei para Israel como um deserto ? Ou uma terra de densa escuridão? Por que eles, o meu povo, disseram: ‘Estamos andando livremente. Não voltaremos mais para ti.Será que a moça se esquece dos seus enfeites,Ou a noiva das suas faixas? No entanto, não é possível contar os dias em que o meu próprio povo se esqueceu de mim". Jeremias 2:1-37

quarta-feira, 30 de setembro de 2020

Serrinha registra 13 casos confirmados e 12 curados da COVID-19

 

A Prefeitura de #Serrinha informa que nesta terça-feira, 29/09, foram confirmados 13 novos casos de coronavírus. Sendo assim, a cidade atinge um total de 1.244 casos da Covid-19.

PRIMEIRA TABELA (resultados LACEN)
Serrinha registra um total de 40 casos suspeitos e 483 casos positivos diagnosticados através do teste do LACEN.

SEGUNDA TABELA (resultados testes rápidos)
Foram realizados 88 testes rápidos, sendo que 8 testaram positivo.

TERCEIRA TABELA (total)
Hoje foram registros 12 curas, assim sendo, Serrinha passa a ter 1.201 curados, 14 óbitos e possui 29 casos ativos. Dos pacientes que testaram positivo para o coronavírus 8 são mulheres de 15, 19, 42, 45, 48, 51, 67 e 73 anos, outros 5 são homens de 30, 34, 39, 43 e 74 anos.

TJ-BA inicia retomada de atividades nesta quinta-feira; prazos continuam suspensos

 

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) inicia nesta quinta-feira (1º) a segunda fase da retomada presencial das atividades no Poder Judiciário, de forma gradual. Nesta fase, o trabalho será interno, sem atendimento presencial aos advogados e às partes. Os prazos dos processos físicos permanecem suspensos até a quarta fase do cronograma de retomada das atividades presenciais do TJ-BA, em data a ser divulgada.

Os servidores passarão a exercer as atividades presencialmente, em sistema de rodízio e quantitativo diário equivalente a um servidor para cada 4 m² dos espaços físicos, ou correspondente a 30% do efetivo das unidades, prevalecendo o maior número. Os servidores em cargo de chefia desempenharão as atividades presencialmente, salva exceção se pertencerem ao grupo de risco. Quando não estiverem escalados no rodízio, os servidores desempenharão as atividades em teletrabalho.  

Os cartórios eleitorais, que funcionem nas dependências dos fóruns, poderão funcionar segundo o regramento, a ser estabelecido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TER-BA). Os juízes diretores de fóruns analisarão os pedidos para uso dos espaços das unidades judiciais no período eleitoral.

Os magistrados e servidores maiores de 60 anos, gestantes, lactantes e aqueles portadores de doenças crônicas, que compõem risco de aumento de mortalidade por Covid-19, ficam autorizados a executarem suas atividades por meio de trabalho remoto, mediante prévia comunicação. Nos casos de servidores integrantes do grupo de risco, que declarem não dispor dos equipamentos necessários para o desempenho do teletrabalho, serão antecipadas as férias e as licenças, de quem as faça jus.  

Na segunda fase da retomada, o horário de expediente das unidades judiciais e administrativas será de 09h às 15h, exceto das que compõem o Sistema dos Juizados Especiais e daquelas que possuem horário de expediente reduzido. Os servidores em teletrabalho não estarão adstritos ao horário do expediente de funcionamento das unidades e cumprirão a sua jornada de trabalho regular. Nas unidades do Sistema dos Juizados Especiais, que funcionem em dois turnos, o horário será de 09h às 12h e 13h às 16h. O TJ autorizou o pagamento do auxílio-transporte para os servidores que estiverem trabalhando presencialmente.

A partir do dia 05 de outubro, os advogados, o Ministério Público e a Defensoria Pública poderão agendar, na forma a ser divulgada, a realização das cargas dos autos dos processos físicos que se encontrem nas Turmas, Câmaras e Seções deste Tribunal de Justiça, devendo retirar os autos no espaço, que será adaptado a esta finalidade, por meio do drive thru.

O agendamento para a realização de cargas dos autos dos processos que se encontrem no Primeiro Grau poderá ocorrer, a partir da terceira fase da retomada, quando estará liberado o acesso excepcional do público externo às dependências dos fóruns. As audiências por videoconferência continuarão a ser realizadas.

A partir da quarta fase, serão realizadas presencialmente as audiências, que não puderem ocorrer de modo virtual, devendo ser observada a limitação do número de pessoas presentes, conforme a área da sala de audiência e respeitado o distanciamento social. Já as sessões de julgamento dos Órgãos de Segundo Grau e as das Turmas Recursais do Sistema dos Juizados Especiais continuarão a ser realizadas por videoconferência.

O TJ autorizou a retomada da expedição dos mandados judiciais, que continuarão sendo cumpridos pelos oficiais de justiça, preferencialmente, por e-mail, telefone, Whatsapp, ou outro meio eletrônico, devendo ser certificada a forma de comprovação do recebimento, à exceção daqueles, urgentes, que demandem cumprimento presencial e imediato. Os mandados de intimação para as audiências deverão ser cumpridos a partir da segunda fase da retomada e, quando não for possível cumpri-los na forma prevista no parágrafo anterior, serão cumpridos presencialmente. 

Eleitor poderá justificar falta pelo celular

 

As lojas de aplicativo de celular (app) colocam à disposição nesta quarta-feira (30) uma nova versão do e-Título com mais funcionalidades. O recurso eletrônico possibilitará a justificativa de ausência nas votações de 15 de novembro (1º turno) e 29 de novembro (2º turno), até 60 dias após cada pleito, por meio dos celulares e tablets.

Até as eleições, o e-Título estará atualizado para que as justificativas possam ser apresentadas a partir do dia da votação por quem não compareceu - por estar fora do domicílio eleitoral ou impedido de ir à zona eleitoral.

O e-Título, desenvolvido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), também permite ao cidadão gerar certidões de quitação eleitoral e de nada consta de crimes eleitorais, além de fazer a autenticação de documentos da Justiça Eleitoral.

O acesso ao aplicativo é gratuito e funciona em sistemas operacionais Android e iOs . Conforme nota da Justiça Eleitoral, para baixar o aplicativo, basta procurá-lo na loja de aplicativos do seu dispositivo móvel ou acessar o hotsite do título de eleitor no Portal do TSE.

Justificativa obrigatória
Nas eleições de 2018, 29,9 milhões de pessoas no primeiro turno e 31,3 milhões de pessoas no segundo turno deixaram de votar. Quem até hoje não justificou deve emitir o boleto para quitação de multas nos sites do TSE ou dos tribunais regionais eleitorais. A justificativa é obrigatória.

O pagamento deve ser feito pela Guia de Recolhimento da União (GRU) no Banco do Brasil. Depois de fazer o pagamento, o cidadão deve aguardar a identificação do recolhimento da multa pela Justiça Eleitoral e o registro na inscrição pela zona eleitoral. Essas informações estarão disponíveis pelo e-Título.

As soluções e os procedimentos acessíveis pelo documento também podem ser acionados pelo site ou pessoalmente nas seções eleitorais. O TSE orienta que em caso de urgência para a regularização da situação eleitoral, o cidadão deve entrar em contato com a zona eleitoral onde está inscrito para orientações sobre a baixa da multa no sistema.

Conforme a Justiça Eleitoral, o cidadão que não votar por três pleitos, nem justificar ausência, nem pagar as multas devidas terá o título cancelado.

terça-feira, 29 de setembro de 2020

Serrinha registra 19 curas e 18 casos confirmados da COVID-19; a cidade tem 28 pacientes ativos

 

A Prefeitura de Serrinha informa que nesta segunda-feira, 28/09, foram confirmados 18 novos casos de coronavírus. Sendo assim, a cidade atinge um total de 1.231 casos da Covid-19.

PRIMEIRA TABELA (resultados LACEN)
Serrinha registra um total de 16 casos suspeitos e 478 casos positivos diagnosticados através do teste do LACEN.

SEGUNDA TABELA (resultados testes rápidos)
Foram realizados 71 testes rápidos, sendo que 12 testaram positivo.

TERCEIRA TABELA (total)
Com 19 curas registradas hoje, Serrinha passa a ter 1.189 curados, 14 óbitos e possui 28 casos ativos.

Beneficiários de fora do Bolsa Família começam a receber parcela de R$ 300 reais na quarta-feira

 

Os beneficiários do auxílio emergencial que não estão no Bolsa Família vão começar a receber a parcela de R$300 reais na próxima quarta-feira (30), conforme anunciou ontem (28) o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni.

"Até o final da tarde, a gente publica uma portaria que estabelece o pagamento a partir de quarta-feira de mais 30 milhões de pessoas. Já devemos ter publicado no extra de hoje o anexo com calendário de pagamentos. Estamos nos detalhes finais. A partir de quarta-feira a Caixa começa a pagar as pessoas que não estão no Bolsa Família", afirmou o ministro. 

Serrinha: Helena Rodrigues registra candidatura e declara ao TSE patrimônio de R$ 850 mil

 

Mais uma candidata que disputará o comando da Prefeitura de Serrinha encaminhou pedido de registro de candidatura à Justiça Eleitoral. O requerimento da candidatura de Helena Rodrigues (Avante) foi publicado nesta segunda-feira (28) no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A comerciante Jane Niceias Barbosa, também do Avante, será a candidata a vice de Helena. Com o registro de Helena, o número de candidatos que registraram sua candidatura junto ao TSE, sobe para quatro.

O prazo para a apresentação de pedidos de registro de candidaturas na Justiça Eleitoral terminou no sábado (26). A expectativa do Tribunal Superior Eleitoral é de que, neste ano, mais de 700 mil candidatos disputem as 5.568 vagas de prefeito.

As candidaturas dependem agora de análise dos magistrados da Corte Eleitoral, que podem impugnar nomes que não estejam de acordo com as regras eleitorais.

O patrimônio declarado por Helena foi de R$ 850 mil. Foi a candidata que declarou o maior patrimônio até agora. Na lista de bens, ela afirma ter três imóveis no Centro da cidade. A vice Jane declarou não possuir bens.

HELENA RODRIGUES (Avante)

•    Idade: 66 anos
•    Grau de instrução: Ensino Médio
•    Ocupação declarada: Comerciante
•    Bens declarados: R$ 850.000,00
•    Vice: Jane (Avante)
•    Idade: 34 anos
•    Grau de instrução: Ensino Médio
•    Ocupação declarada: Comerciante
•    Bens declarados: R$ 0

Em dez anos, 521 prefeitos baianos tiveram contas rejeitadas pelo TCM e podem ficar inelegíveis

 

O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM-BA) listou todas as vezes em que prefeitos tiveram as contas anuais rejeitadas desde 2009 até 2018, bem como termos de ocorrência, denúncias ou auditorias julgados procedentes, cujos processos já transitaram em julgado, e que podem ser, eventualmente, enquadrados na Lei da Ficha Limpa.

De acordo com a relação enviada à Justiça Eleitoral e analisada, nesta terça-feira (29), pelo BNews, são 521 nomes de prefeitos e ex-prefeitos que sofreram punição pelo órgão em 960 processos de prestação de contas de Prefeituras.

Já quando são incluídos os processos de prestação de contas de câmaras de vereadores; os relacionados a empresas públicas ou instituições descentralizadas; procedimentos de contas de recursos repassados a instituições privadas de interesse público; e ainda processos relacionados a denúncias, termos de ocorrência e auditorias realizadas pelos técnicos do tribunal, tem-se o total de 2.014 processos analisados pelo TCM-BA no período.

Ficha suja
O TCM-BA explicou que “o fato de o nome de um gestor constar nas listas apresentadas ao TRE pelos tribunais de contas não significa, porém, que ele seja inelegível para as próximas eleições” (...) uma vez que  “a decisão caberá à Justiça Eleitoral”.

Na Bahia, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) coletados pelo BNews, atualmente são 114 nomes enquadrados na Lei da Ficha Suja e que estão impossibilitados de participar das eleições deste ano.

No entanto, os 521 nomes listados pelo TCM-BA podem ficar inelegíveis por oito anos, se assim decidir a Justiça Eleitoral após análise dos casos com base na Lei da Ficha Limpa.

Segundo a Lei Complementar 64/90, devem ser afastados da disputa eleitoral por oito anos aqueles “que tiveram suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa, salvo se esta houver sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário”.

Municípios
Entre os municípios que mais tiveram contas de prefeituras rejeitadas, Gongogi lidera o ranking, com processos referentes aos exercícios entre 2011 e 2018. Neste período, foram punidos pelo TCM-BA o ex-prefeito Altamirando de Jesus e o atual gestor, Edvaldo dos Santos.

Já a capital baiana teve as contas da Prefeitura rejeitadas por três vezes, todas durante a gestão do ex-prefeito João Henrique, nos exercícios de 2009, 2011 e 2012. Outro ex-prefeito que também foi alvo do TCM no período é Ricardo Machado, de Santo Amaro, com contas rejeitadas nos nos de 2011, 2012, 2013 e 2016. Confira aqui a lista de gestores municipais que tiveram contas rejeitadas entre 2009 e 2018.Fonte:Bocão News

Bancada evangélica no Congresso busca apoio da esquerda para manter perdão a igreja

 


A fim de obter o apoio da esquerda na manutenção do perdão às igrejas, a bancada evangélica quer usar as dívidas de partidos e de sindicatos com o fisco. Eles pretendem derrubar o veto do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), convencendo os parlamentares de esquerda de que todos são protegidos pela mesma lei de imunidade.

Segundo a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, planilhas com valores devidos por partidos começaram a circular entre as legendas nessa segunda-feira (28). A publicação aponta que um levantamento feito com a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional estima R$ 94 milhões em dívidas das siglas com o fisco. Já a dívida das igrejas é de R$ 850 milhões, mas o valor foi reduzido com a parte do projeto que não foi vetada por Bolsonaro.

Polícia Federal cumpre mandado contra ex-juiz substituto do TRE-BA, Wanderley Gomes

 


A Polícia Federal cumpre nesta terça-feira (29) mandado de busca e apreensão contra o ex-juiz substituto do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), Wanderley Gomes.

O Bahia Notícias apurou que a ação acontece em uma casa de propriedade dele, no condomínio Solaris, bairro de Piatã, em Salvador. A reportagem também levantou a informação de que Gomes vai ser apresentar à PF ainda nesta terça para prestar esclarecimentos. Não há detalhes sobre o que está sendo investigado contra o ex-juiz. O mandado foi expedido pela Justiça Federal em Barreiras e visa bens de valor, e não documentos.

Advogado, Gomes está sendo acompanhado por um integrante da Comissão de Prerrogativas da Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Bahia (OAB-BA), também apurou o BN. Procurada, a assessoria da PF não confirmou as informações.

No ano passado, Gomes virou réu em ação de improbidade administrativa porque seu escritório de advocacia recebeu R$ 21,5 milhões da Prefeitura de Barreiras com recursos oriundos de precatórios do Fundef.

Pagamentos ao escritório também entraram na mira do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), que denunciou o ex-prefeito de Casa Nova, Wilson Freire, ao Ministério Público da Bahia (MP-BA) por repassar R$17 milhões, com dinheiro do Fundef, ao Wanderley Gomes Advogados Associados, a título de honorários advocatícios.Fonte:Bahia Noticias

Megaoperação prende 57 e faz buscas na Câmara Municipal de São Paulo

A Câmara Municipal de São Paulo e a Secretaria estadual de Saúde são alvos de operação da Polícia Civil na manhã desta terça-feira (29). A investigação apura possíveis desvios na área da saúde e cumpre 260 mandados de busca e apreensão e mais 57 de prisão temporária.

De acordo com o Diário do Poder, os principais alvos são uma médica e uma advogada funcionárias da Saúde e um homem que trabalha no gabinete do vereador Eliseu Gabriel (PSB). O parlamentar não é investigado. Policiais fazem buscas nas dependências da Secretaria e também no Legislativo municipal.

A operação da Polícia de São Paulo ocorre em parceria com a Polícia Federal do Pará, onde também estão sendo cumpridos mandados. Helder Barbalho (MDB), governador do estado, é investigado pela Operação S.O.S e tem seu gabinete como alvo de buscas (saiba mais aqui).

Segundo a investigação, o esquema de corrupção envolve a contratação de uma Organização Social (OS) responsável pela administração de hospitais e clínicas em várias localidades do país. Desta forma, os agentes também fazem busca no Hospital Geral de Carapicuíba e no Hospital Municipal Antônio Giglio.
 

segunda-feira, 28 de setembro de 2020

Caixa paga hoje auxílio emergencial para 9,4 milhões de trabalhadores

 

Agência Brasil - A Caixa Econômica Federal paga hoje (28) mais uma parcela do Auxílio Emergencial a 9,4 milhões de trabalhadores. Beneficiários do Bolsa Família com final de NIS número 8 e pessoas nascidas em outubro e novembro, conforme calendário do clico 2, receberão os recursos.

No caso dos beneficiários do Bolsa Família, serão R$ 427,6 milhões do auxílio emergencial extensão, pagos a 1,6 milhão de pessoas. No total, 16,3 milhões de pessoas cadastradas no Bolsa Família foram consideradas elegíveis para a primeira parcela do auxílio residual, no valor de até R$ 300 ou em até R$ 600, no caso de mulher provedora de família monoparental.

Se o valor do Bolsa Família for igual ou maior que R$ 300 ou R$ 600, o beneficiário receberá o valor do Bolsa Família, sempre privilegiando o benefício de maior valor. O pagamento atende aos mesmos critérios e datas do benefício regular, permitindo a utilização do cartão nos canais de autoatendimento, Lotéricas e correspondentes Caixa Aqui; ou por crédito na conta Caixa Fácil.

Ciclo 2

Outras 7,8 milhões de pessoas nascidas em outubro e novembro receberão o total de R$ 5,1 bilhões do auxílio emergencial nesta segunda-feira, conforme calendário do ciclo 2 do programa. O valor é de R$ 600 ou em R$ 1,2 mil, no caso de mulher provedora de família monoparental.

Neste ciclo, mais três públicos foram incluídos: trabalhadores que fizeram o cadastro nas agências dos Correios entre 2 de junho e 8 de julho; trabalhadores que fizeram a contestação pelo site da Caixa ou App Caixa Auxílio Emergencial de 3 de julho a 16 de agosto e foram considerados elegíveis; beneficiários que tenham recebido a primeira parcela em meses anteriores, mas que tiveram o benefício reavaliado em agosto.

Os recursos podem ser movimentados por meio do aplicativo Caixa Tem. Com ele é possível pagar boletos e fazer compras na internet e nas maquininhas em mais de 1 milhão de estabelecimentos comerciais.

O calendário de pagamentos do auxílio emergencial é organizado em ciclos de crédito em conta poupança social digital e de saque em espécie. Os beneficiários recebem a parcela a que têm direito no período de acordo com o mês de nascimento. Para os beneficiários nascidos em outubro e novembro, os saques e transferências serão liberados nos dias 20 e 22 de outubro, respectivamente.

Aqueles que tiveram os pagamentos retidos vão receber todas as parcelas a que têm direito de uma só vez, dentro do Ciclo 2. Já os trabalhadores que optaram por realizar o cadastro nos Correios e aqueles que contestaram vão receber a primeira parcela dentro do Ciclo 2. As parcelas P2 e P3 serão pagas no Ciclo 3 e as parcelas P4 e P5, no Ciclo 4.

Neste domingo Serrinha registra 3 novos casos da COVID-19; não houve registros de curados

 

A Prefeitura de #Serrinha informa que neste domingo, 27/09, foram confirmados 3 novos casos de coronavírus. Sendo assim, a cidade atinge um total de 1.213 casos da Covid-19.

PRIMEIRA TABELA (resultados LACEN)
Serrinha registra um total de 16 casos suspeitos e 472 casos positivos diagnosticados através do teste do LACEN.

SEGUNDA TABELA (resultados testes rápidos)
Hoje não foram realizados testes rápidos.

TERCEIRA TABELA (total)
Serrinha se mantém com 1.170 curados, 14 óbitos e possui 29 casos ativos.

Serrinha: Adriano Lima registra candidatura e declara ao TSE patrimônio de R$ 251 mil

 

Buscando a reeleição à Prefeitura de Serrinha, o médico Adriano Lima (PP) declarou ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) ter um patrimônio total no valor de R$ 251.940,00. A informação consta do pedido do registro de sua candidatura, divulgado neste sábado (26).

No patrimônio listado por Adriano, há quatro cavalos da raça Quarto de Milha, que somam quase R$ 170 mil, uma área de terra agrícola, que vale R$ 21 mil, além de R$ 70 mil em espécie.

O valor apresentado este ano aponta para uma queda do patrimônio de Adriano em relação ao declarado na eleição de 2016, quando foi eleito prefeito pelo PMDB. À época, ele afirmou ter R$ 639.055,47. Ou seja, o patrimônio do candidato caiu cerca de R$ 380 mil.

Dentre os três registros de candidatos à prefeitura de Serrinha, o médico oftalmologista, é o segundo com maior patrimônio. A candidata com maior patrimônio é Viviany Andrade (PSB), que registrou ter R$ 300 mil em bens. O menos abastado é o candidato do PT, Osni Cardoso, com R$ 177 mil em bens.

A candidatura de Adriano tem como coligação a composição PP, MDB, PSL, PMB, Patriota e DC, e o slogan "Serrinha Quer Seguir em Frente".

Segundo o TSE, o limite legal de gastos do candidato tem o teto de R$ 123 mil. O vice-prefeito de Adriano, o engenheiro Moreno Ferreira (PMB), tem um patrimônio superior, de R$ 348 mil. Constam da lista quatro fazendas, duas casas e um imóvel comercial.Fonte:Ailton Pimentel

Bahia registra 850 novos casos de Covid-19

 

A Bahia registrou, nas últimas 24 horas, 850 casos de Covid-19, de acordo com o boletim da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) divulgado neste domingo (27). A taxa de crescimento de novos casos é de 0,3%.

Ainda de acordo com informações do boletim, 1.074 pacientes conseguiram vencer o vírus (+0,4%). Dos 306.036 casos confirmados desde o início da pandemia, 292.436 já são considerados curados e 7.001 encontram-se ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (28,20%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (6.537,36), Almadina (6.350,66), Madre de Deus (5.973,55), Itabuna (5.946,36), Dário Meira (5.144,72).

Pesquisa aponta que 'mais pobres' têm 2 vezes mais chance de ter Covid do que 'mais ricos'


A Universidade Federal de Pelotas (UFPel) divulgu um estudo em que aponta que as pessoas mais pobres do Brasil tem duas vezes mais chances de ter sido infectada pela Covid-19 do que a população mais rica.


De acordo com informações do G1, a pesquisa também revelou que apenas um a cada dez casos da doença no país foi oficialmente notificado. "Os 20% mais pobres da população tiveram o dobro do risco [de contaminação] que os 20% mais ricos – mesmo a pandemia tendo chegado ao Brasil pelos aeroportos, por pessoas de maior nível socioeconômico", avalia o epidemiologista Pedro Hallal, reitor da UFPel e primeiro autor do estudo.

O objetivo do estudo é analisar a proporção de pessoas com anticorpos para a Covid-19 País. Além disso, os indígenas, por conta da situação de vulnerabilidade social, também entraram nessa estatística. Os anticorpos para a Covid-19 eram quatro vezes mais frequentes entre os indígenas do que entre a população branca.

A maior prevalência, entretanto, também foi associada à pobreza. Os cientistas acharam improvável, por exemplo, que essas pessoas tivessem alguma predisposição genética que facilitasse a infecção.

Suspeito de matar pré-candidato a vereador em MG, irmão de prefeito é preso

 

Suspeito de matar o candidato a vereador de Patrocínio (MG), Cássio Remis, o ex-secretário de Obras da cidade, Jorge Marra (relembre aqui), foi preso na tarde deste domingo (27). Ele se entregou na Delegacia Regional da cidade mineira, onde prestou depoimento.

Em coletiva após a oitiva, os delegados que cuidam do caso informaram que Marra foi encaminhada para um presídio porque havia mandado de prisão preventiva contra ele. A unidade para onde ele foi levado foi mantido sob sigilo por questões de segurança.

A defesa do suspeito e a Polícia Civil fizeram acordo para que o ex-secretário se apresentasse de forma espontânea às autoridades. Ainda segundo os delegados, Marra respondeu quase todas as perguntas feitas durante o depoimento.

"A oitiva durou cerca de três horas e ele (Jorge Marra) cooperou com 99% das perguntas que os delegados fizeram. Nós demos oportunidade também para que os advogados fizessem perguntas para esclarecer alguns pontos que ficaram controversos", declarou o delegado Valter André.

A Polícia Civil aguarda a finalização dos laudos periciais para definir se serão necessários novos depoimentos. De acordo com os delegados, Marra pode ser enquadrados nos crimes de roubo, por ilegal de arma de fogo e homicídio qualificado, por motivo fútil e uso de recurso que impossibilitou a defesa da vítima.
 
O CASO
O crime aconteceu na quinta-feira (24), após Cassio realizar transmissão ao vivo nas redes sociais. Durante a tarde, enquanto fazia uma live denunciando uma obra realizada pela prefeitura, a vítima foi interrompida por Marra (DEM), que chegou em uma caminhonete branca e tomou o celular do político. Veja vídeo que mostra o momento dos disparos.

A investigação epidemiológica do coronavírus chegou em Salvador

 

Comum em países como Japão e Coreia do Sul, a busca ativa por contaminados pelo novo coronavírus fez parte da estratégia de enfrentamento da pandemia. Na Alemanha, o chamado paciente zero foi encontrado após uma investigação epidemiológica, que permitiu o controle da disseminação da doença. Agora, quase sete meses após a confirmação do primeiro caso no Brasil, Salvador anunciou que fará uma medida similar. Pena que demorou tanto.

No começo da pandemia, os secretários de Saúde Fábio Vilas-Boas (Bahia) e Léo Prates (Salvador) relataram a dificuldade para localizar e isolar os pacientes assintomáticos. Primeiro pela dificuldade logística. Há uma complexidade muito grande na identificação das pessoas doentes e nas próprias relações entre aquelas que testaram positivo para o novo coronavírus. Como seria inviável refazer toda a cadeia de contaminação, com recursos humanos e financeiros limitados, o investimento possível foi solicitar que a própria população se recolhesse em quarentena quando apresentasse algum sinal da doença.

Não foi o melhor dos mundos. Infelizmente, os números cresceram mais do que qualquer um gostaria. Todavia, o resultado foi muito abaixo das previsões iniciais para o estado. Houve uma consonância nas ações do governo da Bahia e da prefeitura de Salvador, somadas a um mínimo de consciência social. O isolamento não foi o perfeito, mas permitiu que o sistema de saúde se preparasse para o pior - que, felizmente, não aconteceu. Ponto positivo numa crise sanitária sem precedentes.

Como a busca ativa não foi possível durante as fases iniciais da pandemia - o que poderia evitar a massificação da Covid-19 -, a prefeitura de Salvador anunciou, na última sexta-feira (25), o início da investigação epidemiológica nos bairros do município. A iniciativa vai promover uma testagem amostral em áreas da cidade para identificar a presença de pessoas com coronavírus ou com os anticorpos que sugiram uma contaminação anterior. É uma tarefa complexa, porém permitida agora que já há mais informações sobre o comportamento do vírus, com certo rascunho da transmissibilidade dele.

Para além dos dados já disponíveis, como ocupação de leitos, números de casos confirmados e óbitos, essa medida talvez seja a que mais aproximará Salvador de retomar uma “normalidade”. Mesmo que não haja a chamada imunidade de rebanho, entender como a doença se espalhou pela maior cidade da Bahia é algo crucial para o futuro próximo e até mesmo para enfrentar outras pandemias. Fonte:Bahia Noticias

Impulsionamento nas redes sociais pode ser vetado pelo TSE esta semana

 

O impulsionamento pago de publicações das candidaturas de candidatos a prefeitos e vereadores no Facebook, Instagram e Google já começou, mas pode ter vida curta.

De acordo com o jornal O Globo, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) se reúne nesta semana para continuar a votação, virtual, de uma ação que pode vetar o uso do fundo partidário para esta modalidade de propaganda. Por enquanto, dois votos foram dados. Um a favor e um contra.

Na atual legislação eleitoral, este tipo de propaganda é permitido quando for utilizado com o único objetivo de impulsionar o alcance de publicações.

Isso quer dizer que o conteúdo publicado oficialmente como propaganda eleitoral, pode ser impulsionado, como no caso do Twitter, Facebook e Instagram, através de pagamento, desde que este impulsionamento seja contratado diretamente junto às plataformas de mídias sociais.
 

quinta-feira, 24 de setembro de 2020

Serrinha registra 9 curas e 7 novos casos da COVID-19

 

A Prefeitura de Serrinha informa que nesta quarta-feira, 23/09, foram confirmados 7 novos casos de coronavírus. Sendo assim, a cidade atinge um total de 1.186 casos da Covid-19.

PRIMEIRA TABELA (resultados LACEN)
Serrinha registra um total de 33 casos suspeitos e 456 casos positivos diagnosticados através do teste do LACEN.

SEGUNDA TABELA (resultados testes rápidos)
Hoje foram realizados 105 testes rápidos, destes 6 tiveram resultado positivo para o coronavírus.

TERCEIRA TABELA (total)
Hoje foram registradas 9 curas, com isso Serrinha chega a 1.151 curados. Os pacientes positivos são 5 homens de 08, 32, 40, 40 e 89 anos e 2 mulheres de 27, 33 anos.

TSE vai testar sistema de votação pela internet

 

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai criar um sistema para a população votar pela internet, a partir do celular, nas próximas eleições. Em edital publicado nesta terça-feira  (22), o tribunal chama empresas de tecnologia interessadas em apresentar modelos virtuais que poderiam ser utilizados.

A ideia do TSE é distribuir estandes com sistemas experimentais, na votação de 15 de novembro, nas cidades de Curitiba (PR), Valparaíso de Goiás (GO) e São Paulo (SP). O sistema não vai valer para este ano, mas será um testado com a participação de eleitores selecionados, que votarão em candidatos fictícios.

A intenção do presidente do Tribunal, ministro Luís Roberto Barroso, é que haja uma forma mais moderna e barata para o processo de votação.

Serrinha:Candidatos declaram ao TSE possuir fortunas

 

A publicitária Viviany Andrade (Partido Socialista Brasileiro - PSB) pediu nesta quarta-feira (23) ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o registro de sua candidatura à prefeitura de Serrinha. Ela teve a candidatura aprovada em convenção partidária realizada no dia 15 de setembro.


Viviany declarou ter um patrimônio de R$ 300 mil. O registro será analisado pela Justiça Eleitoral, que definirá se a candidata está apta a concorrer nas eleições de 15 de novembro.

Candidata a vice-prefeita na coligação intitulada de "Nasce Uma Nova Serrinha", a professora Ilka Lima da Silva Oliveira (Partido Socialismo e Liberdade - PSOL) declarou não possuir bens.

Os 32 candidatos a vereador do PSB e PSOL também apresentaram seus bens. De acordo com levantamento do PCS, dentre os mais ricos, Luciana do Shopping declarou patrimônio de R$1.300.000,00, seguida de Joilson Francisco, que diz ter R$295.000,00 e Júlia Oliveira, R$224.000,00.

Treze candidatos afirmam não possuir bens.Fonte:Portal Cleriston Silva 

Força-tarefa que investiga desvio de recursos para combate à Covid-19 cumpre mandados na Bahia

 

O Ministério Público de Sergipe (MP-SE), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), deflagrou a segunda fase da Operação Pandemonium, nesta quinta-feira (24). São cumpridos mandados de busca e apreensão no município de Novo Triunfo, na Bahia, em endereços residenciais e empresariais.

A primeira fase foi deflagrada há cerca de um mês, e após ordem judicial, o prefeito Beto Caju (SD) foi afastado. A operação investiga desvios e fraudes ocorridos por meio de contratos feitos pela prefeitura de Carmópolis, interior de Sergipe, com empresas baianas, envolvendo recursos destinados para o combate da pandemia de covid-19.

Segundo o MP, após o cumprimento dos primeiros mandados de buscas, foram apurados novos indícios de crimes contra a prefeitura de Carmópolis, pela mesma organização criminosa. O MP-SE conta com o apoio do Gaeco do Ministério Público da Bahia (MP-BA), da Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) e da Polícia Civil (DIP, DEPIN e DRACO).

Ministro da Educação associa homossexualidade a "famílias desajustadas"

 

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, afirmou que pretende reformular o currículo do ensino básico e promover mudanças em relação à educação sexual. Em entrevista ao Estado de S. Paulo, ele afirmou que a disciplina é usada muitas vezes para incentivar discussões de gênero.

“E não é normal. A opção que você tem como adulto de ser um homossexual, eu respeito, mas não concordo”, afirmou o ministro, que ainda atribuiu a homossexualidade de jovens a “famílias desajustadas”.

À frente do Ministério da Educação há dois meses, ele, que é pastor presbiteriano, reconheceu que a pandemia da Covid-19 acentuou a desigualdade educacional no país. “Não é um problema do MEC, mas um problema do Brasil”, disse. Ainda de acordo com ele, não é responsabilidade da pasta resolver questões ligadas ao baixo acesso à internet nem se envolver na reabertura das escolas.

“A lei é clara. Quem tem jurisdição sobre escolas é Estado e município. Não temos esse tipo de interferência. Se eu começo a falar demais, dizem que estou querendo interferir; se eu fico calado, dizem que se sentem abandonados”, declarou. O ministro também disse que vai divulgar, ainda nesta semana, um protocolo de biossegurança para a escola básica.

Apesar de se posicionar sobre a não interferência no MEC no retorno às aulas, Milton Ribeiro defendeu que, por ele, os alunos já estariam em sala desde a “semana passada”, já que, segundo o ministro.

Oposição
O ministro Milton Ribeiro também disse ao Estadão que o presidente Jair Bolsonaro procurou entender o porquê ele recebeu os deputados Tabata Amaram e Felipe Rigoni, que fazem parte da oposição.

“Eu recebi a Comissão Externa da Câmara (que os dois integram e acompanha o trabalho do MEC). Ele [Bolsonaro] queria entender porque a Tabata publicou uma foto. Eu falei ao presidente que recebi a comissão. É diferente isso. A mídia conservadora estranhou o fato de tê-los recebido, mas eu não vou mudar”, defendeu.

Família acusa pastor evangélico de sequestrar idosa em Lauro para ficar com dinheiro

A família de Elina Barroso, de 88 anos de idade, moradora de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador, está acusando o pastor evangélico Joel Barbosa de sequestrar a idosa e levá-la para Itaberaba, no Piemonte do Paraguaçu. Segundo os familiares, o líder religioso vendeu parte do patrimônio de Dona Elina e está se apossando do dinheiro dela, advindos da aposentadoria.

Conforme informações dos familiares, Joel Barbosa era pastor de uma unidade da Igreja Assembleia de Deus em Lauro de Freitas, onde conheceu e se aproximou de Dona Elina. Desaparecida desde o último dia 14 de agosto, a idosa foi levada pelo líder religioso para Itaberaba, sem qualquer aviso à família.

Yara Barroso, neta de Dona Elina, descobriu o paradeiro da avó quando uma vizinha da idosa, no bairro de Portão, a comunicou que a casa tinha sido vendida e a moradora havia se transferido para Itaberaba, junto ao pastor da Assembleia de Deus. A residência foi comercializada por R$ 200 mil.

“Para mim, isso foi um sequestro. Vendeu os bens. Casa, móveis, jóias. E está usufruindo dos proventos dela”, disse o marido de Yara, André Nogueira, que se dispôs a tomar a frente da situação, devido a sua esposa estar muito abalada.

André e Yara foram a Itaberaba na última sexta-feira (18) e, com o apoio da Polícia Militar, adentraram a casa de Joel Barbosa, conseguindo falar com Dona Elina. Segundo os familiares, a idosa apresentava alguns problemas de memória, fruto de um suposto acidente vascular cerebral.

Segundo André, mesmo esquecendo-se de algumas coisas, Dona Elina teria demonstrado vontade de retornar para Salvador com a neta, sendo impedida pelo pastor Joel Barbosa. Por esse motivo, a família reclama da atuação do delegado Fábio Pereira da Encarnação, titular da 1ª Delegacia Territorial de Itaberaba.

“O delegado não cumpriu seu papel, que era de retirar a idosa da casa de pessoas que não são seus familiares, e não proveu a entrega da mesma à família”, declarou André, que acusa o pastor de sequestro e cárcere privado.

A família registrou uma reclamação na Ouvidoria Geral do Estado e também acionou o Ministério Público da Bahia (MP-BA), que encaminhou o caso para a Promotoria de Justiça de Itaberaba.

PASTOR AMEAÇA

Procurado pelo Bahia Notícias, Joel Barbosa negou que tenha sequestrado Dona Elina, mas não quis se alongar. “Não sei se por desinformação ou por maldade, uma senhora alega esse fato. Estamos tomando providências junto à Justiça. Logo logo, o fato será esclarecido”, disse o pastor.

Joel ainda tentou intimidar a reportagem, ameaçando acionar a Justiça caso a história fosse publicada pelo BN. “Acredito que qualquer reportagem precisa aguardar os fatos, para não correr o risco de cometer enganos e também arcar com as consequências. Apenas uma sugestão”, afirmou.Fonte:Bahia Noticias
 


terça-feira, 22 de setembro de 2020

Denatran oferece função de pagamento de multas por aplicativo

 

 Agência Brasil - A carteira digital de trânsito (CDT) tem nova função. A partir de agora, é possível acompanhar pela CDT as multas recebidas, bem como fazer o pagamento antecipado, com até 40% de desconto. A nova função foi anunciada nesta segunda-feira (21) pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

“A transformação digital caminha lado a lado com a segurança e o intuito de facilitar a vida do cidadão. Temos mais nove serviços para agregar à CDT, e um deles é o Serviço de Notificação Eletrônica [SNE]. Com isso, o cidadão poderá, dentro de um único aplicativo, resolver inúmeros serviços burocráticos de trânsito”, disse o diretor-geral o Denatran, Frederico Carneiro.
PUBLICIDADE

Por enquanto, o uso da CDT para gerenciamento e pagamento de multas só é válido para pessoas físicas. E o desconto somente será possível mediante forma de pagamento disponibilizada pelo Serviço de Notificação Eletrônica. Empresas que precisarem gerenciar suas frotas devem continuar fazendo isso pelo site do SNE. Além disso, para ter direito ao desconto, é preciso abrir mão de recorrer da multa recebida.

Usuários já cadastrados no SNE e na CDT apenas precisarão atualizar o aplicativo da carteira. As novas funcionalidades já estarão disponíveis no menu de opções, na aba preferências. Ao aderir à nova função, o condutor deixará de receber as notificações de infração pelo correio.

Para quem ainda não está cadastrado, basta seguir o passo a passo e aderir à CDT.

Serrinha registra 10 curas e 8 casos da COVID-19

 

A Prefeitura de Serrinha informa que nesta segunda-feira, 21/09, foram confirmados 8 novos casos de coronavírus. Sendo assim, a cidade atinge um total de 1.176 casos da Covid-19.

PRIMEIRA TABELA (resultados LACEN)
Serrinha registra um total de 14 casos suspeitos e 455 casos positivos diagnosticados através do teste do LACEN.

SEGUNDA TABELA (resultados testes rápidos)
Hoje foram realizados 158 testes rápidos, destes apenas 1 teve resultado positivo para o coronavírus.

TERCEIRA TABELA (total)
Hoje foram registradas 10 curas, com isso Serrinha chega a 1.134 curados. Os pacientes positivos são 5 mulheres de 31, 34, 36, 65 e 73 anos e 3 homens de 18, 38 e 46 anos.

Bahia registra 693 casos e 48 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas

 

A Bahia registrou, nas últimas 24 horas, 693 novos casos de Covid-19. As informações são do boletim diário divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). O número total de casos confirmados desde o início da pandemia do coronavírus é de 295.996. Ainda de acordo com o boletim, 68,9 mil casos estão em investigação.

Em relação aos óbitos causados pela Covid-19, o estado registrou 48 mortes ocorridas nas últimas 24 horas na Bahia. Desde o início da pandemia, o número total de óbitos é de 6.313, representando uma letalidade de 2,13%.

Saques e transferências do Auxílio Emergencial são liberados para mais 3,6 milhões de beneficiários

 

Os  saques e transferências de novas parcelas do Auxílio Emergencial são liberados nesta terça-feira  (22) para  3,6 milhões beneficiários nascidos em fevereiro. Todos eles tiveram o dinheiro creditado em poupança social digital no último dia 2 de setembro.

A Caixa também paga hoje a primeira parcela de R$ 300 (a sexta do Auxílio Emergencial) a 1,6 milhão de trabalhadores que fazem parte do Bolsa Família, cujo número do NIS é terminado em 4. 

Em resolução, TRE-BA reforça obrigação de atos de campanha respeitarem normas sanitárias

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) reforçou através de uma resolução que as medidas sanitárias devem ser cumpridas para as Eleições 2020 no estado. A resolução Nº 30, assinada pelo Presidente do Tribunal, o desembargador Jatahy Júnior, também reforça os protocolos e condutas durante as eleições.

“A Justiça Eleitoral da Bahia está atenta ao singular momento vivido pela humanidade, razão pela qual baixou a Resolução nº 30/2020, para garantir que os atos de campanha se realizem com observância as normas sanitárias vigentes. Aproveito para exortar a todos, em especial os Partidos Políticos e candidatos, para o dever de cumprir rigorosamente as normas  sanitárias, sob pena de incorrer em graves sanções, desde multa, cassação de registro e até inelegibilidade por 8 anos. A responsabilidade de preservação da saúde e da vida é de todos. Com bom senso, respeito a si próprio e ao próximo e observando a legislação vigente, faremos mais uma eleição com plena lisura, livre e democrática”, pontuou Jatahy.

Segundo a resolução, os partidos e coligações, por seus representantes, bem como os candidatos deverão adotar as medidas necessárias para que os atos de propaganda e de campanha em geral atendam integralmente às recomendações estabelecidas pelas autoridades sanitárias. "Todos do Governo do Estado da Bahia, de forma a minimizar o risco de transmissão do Covid-19, em especial, quanto ao uso de máscaras, ao
distanciamento social e ao limite de público máximo de 100 pessoas por evento", acrescenta.

Outro ponto é que as decisões judiciais para restauração da ordem, no que se refere à aglomeração irregular de pessoas e à inobservância das demais medidas sanitárias obrigatórias, em atos de campanha, "deverão ressalvar que, nos termos do artigo 347 do Código Eleitoral, constitui crime de desobediência ‘recusar alguém cumprimento ou obediência a diligências, ordens ou instruções da Justiça Eleitoral ou opor embaraços à  sua execução’".


TST aprova reajuste de 2,6%, e trabalhadores do Correios devem voltar nesta terça

 Tribunal Superior do Trabalho (TST) aprovou nesta segunda-feira (21) um reajuste de 2,6% para os funcionários dos Correios. Os trabalhadores devem retomar as atividades a partir desta terça-feira (22).

A maioria do tribunal decidiu que a greve, iniciada no dia 17 de agosto, não foi abusiva. Com isso, metade dos dias de greve será descontada do salário dos empregados. A outra metade deverá ser compensada, segundo o G1.

Se os funcionários não retornarem aos postos de trabalho, a categoria fica sujeita a multa diária de R$ 100 mil. O secretário-geral da Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresa dos Correios e Similares, José Rivaldo, afirma que para a entidade a greve continua. O resultado do julgamento será discutido nesta terça em assembleia com os trabalhadores.

Rivaldo afirmou que a exclusão das cláusulas do acordo coletivo (leia abaixo) vai reduzir a remuneração dos empregados dos Correios em 40%. “O que fizeram com a gente foi uma maldade muito grande”, disse.

Relatora do processo no TST, a ministra Kátia Arruda votou contra a declaração da greve como abusiva – o que levaria ao desconto integral das horas não trabalhadas.

A magistrada disse que a paralisação foi a única solução encontrada pelos trabalhadores, diante do fato de que a empresa tinha retirado praticamente todos os direitos adquiridos da categoria.

“É a primeira vez que julgamos uma matéria em que uma empresa retira praticamente todos os direitos dos empregados”, afirmou.
 

Estudo brasileiro aponta que Covid-19 pode causar danos cerebrais

Um estudo conduzido por um grupo de 17 cientistas indica que o novo coronavírus Sars-Cov-2, responsável pela pandemia de covid-19, é capaz de infectar células neurais. Os pesquisadores alertam para o risco de danos no sistema nervoso central de infectados. O trabalho foi conduzido através de uma parceria entre a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e o Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino.


Os resultados do estudo estão disponíveis no portal bioRxiv, que se dedica à publicação de artigos em modalidade preprint. São trabalhos que ainda não foram revisados por outros cientistas. Assim, o estudo ainda deverá ser submetido a uma avaliação externa, de acordo com a Agência Brasil.

Os pesquisadores analisaram o tecido neural de uma criança que morreu em decorrência da covid-19. Como em outras pesquisas, não se detectou a presença do novo coronavírus na massa encefálica. No entanto, o Sars-Cov-2 foi encontrado no revestimento de células neurais que estão na caixa craniana.

"Partículas virais foram detectadas principalmente no plexo coróide (ChP) e ventrículo lateral (LV), em menor grau no córtex do cérebro humano, mas não no resto do parênquima cerebral", registra o estudo.

De acordo com o trabalho, o novo coronavírus tem capacidade de infectar células neurais, embora não consiga se replicar no sistema nervoso central. No entanto, ao infectar o plexo coróide, há uma reação do sistema imunológico do organismo humano. No caso analisado, os pesquisadores acreditam que essa reação pode ter permitido que o novo coronavírus, células imunes e citocinas acessassem o sistema nervoso central e causassem danos no cérebro da criança.

No início da pandemia, a covid-19 chegou a ser descrita como uma infecção no sistema respiratório. O avanço dos estudos, porém, mostrou que a doença poderia afetar também outros órgãos, como rins e coração. A preocupação com o sistema nervoso, por sua vez, decorre de manifestações neurológicas observadas em alguns casos. Ocorrências de acidente vascular cerebral e encefalite, por exemplo, foram relatadas em pacientes com covid-19. "Manifestações neurológicas descritas são provavelmente devido a efeitos colaterais de uma resposta imunológica sistêmica ao vírus", sugere o estudo.

segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Pesquisa avalia governos de Colbert Martins, Rui Costa e Bolsonaro

 

 Em levantamento realizado pela Economic Consultoria e Pesquisas em parceria com o De Olho na Cidade, os eleitores feirenses avaliaram os governos do prefeito Colbert Martins Filho, do governador Rui Costa e do presidente Jair Bolsonaro. Os dados foram coletados entre os dias 14 e 16 de setembro, de forma presencial. A margem de erro é de 3,0935% pontos percentuais, para mais ou para menos, e o grau de confiança é de 95%. Foram ouvidas 1.000 pessoas, na sede e nos distritos de Feira de Santana. A pesquisa foi registrada no TRE-BA, sob o número: BA-09448/2020.

Em relação ao governo do atual prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, os eleitores ouvidos classificaram da seguinte forma:

Ótimo: 4,40%

Bom: 23,50%

Regular: 31%

Ruim: 11,50%

Péssimo: 26,70%

Não sabem ou não opinaram: 2,90%

Já em avaliação ao governo de Rui Costa, os eleitores classificaram da seguinte maneira:

Ótimo: 13,50%

Bom: 42,30%

Regular: 28,90%

Ruim: 5,70%

Péssimo: 7%

Não sabem ou não opinaram: 2,60%

Sobre o governo do presidente Jair Bolsonaro, os eleitores também responderam como avaliam, numa classificação de ótimo, bom, regular, ruim ou péssimo, os resultados foram os seguintes:

Ótimo: 11,40%

Bom: 19,60%

Regular: 29,80%

Ruim: 14,10%

Péssimo: 23,50%

Não sabem ou não opinaram: 1,60% .Fonte:Acorda Cidade

Coronavírus: Não foram registrados novos casos em Serrinha

 

A Prefeitura de Serrinha informa que neste domingo, 20/09, não foram confirmados novos casos de coronavírus.

Sendo assim, a cidade continua com um total de 1.168 casos da Covid-19, 11 casos suspeitos, 1.124 curados e 14 óbitos.

Hoje não foram realizados testes rápidos. 

Sem máscara, Bolsonaro vai a churrasco no Eixão e faz 'festa' com os presentes

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) este neste domingo (20) no Piquete do Eixão, evento organizado regularmente pela comunidade gaúcha. De acordo com informações do Metrópoles, o gestor surgiu sem máscara e grande  dos presentes também estava sem o equipamento de proteção recomendado para evitar o avanço da pandemia do novo coronavírus.

O perímetro local foi isolado pela segurança presidencial, com o apoio da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF). No local, o político tirou selfies e sentou-se à mesa com os populares. Enquanto conversou com apoiadores, Bolsonaro aproveitou para comer churrasco e beber refrigerante.

Após o almoço, ele passou pela Praça dos Três Poderes, cumprimentou mais populares, mas voltou para o automóvel quando a imprensa começou a fazer perguntas. Neste domingo, vale destacar, é comemorado o Dia do Gaúcho. Mais cedo, Bolsonaro publicou nas redes sociais homenagem à data.
 

Crianças que presenciam violência policial podem desenvolver estresse pós-traumático

 

Uma criança de cinco anos vê seu pai, que a tem no colo, sob a mira de uma arma. Ela o presencia, ainda, cair no chão após levar uma chave de braço. Se antes sentia-se em casa na comunidade em que vive, hoje precisa ser acalmada pelo pai a cada vez que este cobre os 25 metros que separam a porta do lar do portão do terreno.

O caso do filho de Valdenir Alves dos Santos, 45, o mestre Nenê, ilustra as consequências que pode sofrer uma criança exposta à violência. Segundo especialistas ouvidos pela reportagem, elas podem ter estresse pós-traumático e desenvolver depressão e ansiedade.

Naquele 19 de agosto, o mestre de capoeira estava com seu filho no colo, em frente à sua casa na favela do Mangue, zona oeste de São Paulo.

A reportagem questionou a Polícia Militar, por meio da Secretaria da Segurança Pública, sobre quais os protocolos que orientam os agentes durante uma abordagem policial em que há crianças no local.

Se há algum protocolo, a secretaria não o compartilhou com a reportagem. Em nota, o órgão afirma que "abordagens e ações são elaborados respeitando a legislação vigente, incluindo o Estatuto da Criança e Adolescente (ECA) e a Declaração Universal dos Direitos Humanos".

Segundo a Polícia Militar, os agentes são orientados a "avaliar o cenário e a gravidade [da ocorrência] para o emprego da técnica adequada a cada situação".

A Constituição Federal prevê, no art 227, que o Estado, em conjunto com a família e com a sociedade, tem o dever de assegurar à criança, ao adolescente e ao jovem o direito à vida e à saúde (física e mental), de maneira a "colocá-los a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão".

O ECA reafirma o que diz a Constituição, determinando que qualquer política pública seja pensada dando prioridade absoluta à criança e ao adolescente.

Com base nessas premissas, segundo Pedro Hartung, advogado e coordenador do programa Prioridade Absoluta do Instituto Alana, entende-se que em todas as ações policiais em que há presença de crianças, deve-se pensar primeiro nelas, estejam elas direta ou indiretamente envolvidas na ação policial. Isso porque são mais vulneráveis e suscetíveis, positiva e negativamente, à influência do ambiente.

Sobre o caso do mestre Nenê, Hartung aponta que, pelo descrito pela vítima, havendo uma criança em seu colo, é possível que a polícia tenha empregado uso desproporcional da força.

Negro, mestre Nenê afirma ter sido vítima de racismo ao ser abordado como suspeito de um crime que não cometeu. Ele foi agredido, jogado ao chão e sufocado com uma prática proibida, chegando a desmaiar. O filho assistiu a tudo.

Mestre em psicologia clínica, Lucas Veiga explica que a experiência de uma criança que presencia um conhecido, em especial o pai ou a mãe, sendo vítima de violência pode desenvolver um trauma. O mais comum, nestes casos, é o Tept (transtorno de estresse pós-traumático).

Os sintomas mais recorrentes do Tept são distúrbios do sono (dificuldade para dormir ou pesadelos violentos recorrentes), distúrbios alimentares (dificuldade em se alimentar ou compulsão), ansiedade, falta de concentração, choro intermitente e medo constante.

"A criança fica com medo de sair de casa; pode apresentar quadros de ansiedade quando se deparar com um carro da polícia, por exemplo, porque o veículo remete ao trauma", diz.

A psicóloga Maria Célia Malaquias, coautora do livro "Psicodrama e Relações Étnico-Raciais" (ed. Ágora), diz que uma criança que presencia uma abordagem policial violenta contra seu pai ou mãe passa por uma experiência tão forte e traumática que é como se essa criança experimentasse a sensação de morte do pai e a sua própria.

"Ao viver algo de tamanha intensidade, a criança provavelmente não poderá compreender racionalmente o que aconteceu."

Compreender e expressar o que aconteceu e quais os sentimentos oriundos do trauma formam o principal caminho para lidar com possíveis transtornos causados pela situação.

Apesar disso, nem sempre é necessário o acompanhamento psicológico imediato, segundo Veiga. Antes de mais nada, os pais, a escola e as pessoas próximas à criança devem acolher sua angústia e incentivá-la a expressar seus sentimentos por meio de conversas e desenhos, por exemplo.

"A ausência da possibilidade de elaboração do trauma pode fazer com que os sintomas de estresse pós-traumático perdurem por muitos anos", diz o psicólogo, afirmando que a criança pode se tornar um adolescente ou mesmo um adulto deprimido ou ansioso.

"A criança traumatizada precisa saber que está tudo bem chorar e ter medo", afirma.

O sinal de alerta para a busca por um especialista é a persistência ou piora dos sintomas.

Até os seis anos, as crianças estão em plena fase de desenvolvimento, inclusive do cérebro. É nessa etapa que o ser humano está mais suscetível ao ambiente, segundo Malaquias, e por isso é tão importante evitar o trauma ou, caso ele ocorra, tratá-lo.

Um estudo realizado por pesquisadores do Centro Latino Americano de Estudos de Violência e Saúde Jorge Careli em 2004 já indicava um cenário preocupante de exposição de crianças à violência urbana.

Após entrevistarem 500 crianças da rede pública de ensino, com idades entre 6 e 12 anos, os pesquisadores observaram que 12,1% das crianças já haviam presenciado um assassinato ou morte.

O estudo constatou ainda que, das 500 crianças entrevistadas, 15,7% tinham sintomas compatíveis com distúrbios como depressão e ansiedade.

Em 2019, pesquisadores americanos da Universidade do Sul da Califórnia estudaram o impacto da exposição de jovens com idade entre 11 e 19 anos a eventos traumáticos online, por meio de vídeos de pessoas de grupos étnicos minoritários sendo agredidas, presas ou rendidas.

A conclusão foi que a exposição a esse tipo de conteúdo na internet estava diretamente relacionada a prevalência de sintomas de estresse pós-traumático.

Os efeitos da violência sobre jovens são, além de psíquicos, físicos. Crianças que sofrem de Tept podem ter como sintomas atraso no crescimento e ganho de peso.

Uma criança que assiste a um ato violento contra seu pai pode se sentir desamparada e frustrada. Para Veiga, é possível que ocorra uma ruptura na imagem do pai como "herói", promovendo na criança a sensação de impotência.

Malaquias aponta que, quando a criança vê seu pai sendo agredido e abordado de forma violenta, a sua estrutura de confiança se vê destruída. "Se o pai, que é forte e grande, aos olhos da criança, sofre uma violência, quem a protegerá? O medo dela é enorme. Essa criança e esse pai precisam ser acolhidos", afirma.Fonte:Folha

quarta-feira, 16 de setembro de 2020

Serrinha registra 16 curas e mais 13 casos confirmados da COVID-19

 

A Prefeitura de Serrinha informa que nesta terça-feira, 15/09, foram confirmados 13 novos casos de coronavírus. Sendo assim, a cidade atinge um total de 1.148 casos da Covid-19.

PRIMEIRA TABELA (resultados LACEN)
Serrinha registra um total de 27 casos suspeitos e 434 casos positivos diagnosticados através do teste do LACEN.

SEGUNDA TABELA (resultados testes rápidos)
Hoje foram realizados 46 testes rápidos, 11 destes deram positivo para o coronavírus.

TERCEIRA TABELA (total)
Hoje foram registradas 16 curas, com isso Serrinha chega a 1.113 curados. Os pacientes positivos são 7 mulheres de 26, 34, 34, 40, 41, 55 e 56 anos e 6 homens de 06, 43, 47, 48, 50 e 55 anos.

Líder do governo Bolsonaro na Câmara é alvo de mandado de busca e apreensão no PR

 

O escritório do líder do governo Bolsonaro na Câmara, deputado federal Ricardo Barros (PP), é alvo de mandado de busca e apreensão na manhã desta quarta-feira (16), na cidade de Maringá, no norte paranaense. A ordem judicial é cumprida pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR) e pela Polícia Civil.

De acordo com o G1, a investigação trata de desvios de verba em compra de equipamentos, mas não há detalhes sobre as supostas irregularidades apuradas. Barros também foi ministro da Saúde no governo Temer.  

Em São Paulo, também há cumprimento de mandado de busca. Na capital paulista, o alvo é um possível participante das fraudes na contratação.
 

Justiça suspende eventos políticos promovido por prefeito e partidos

 

A Justiça proibiu a realização de um evento político em Encruzilhada, previsto para ocorrer nesta quarta-feira (16). O evento estava sendo organizado por um conjunto de partidos e pelo prefeito da cidade, Wekisley Teixeira. O pedido de proibição da realização do evento foi feito pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA) e foi acatado pela Justiça nesta terça-feira (15) para evitar a formação de aglomeração enquanto durar a pandemia da Covid-19.

Segundo a promotora de Justiça Daniela Almeida, autora da ação civil pública, o evento político previsto estava sendo promovido pelo próprio prefeito de Encruzilhada, e pelos partidos Democratas, Progressistas, Partido Social Democrático (PSD) e Partido dos Trabalhadores (PT), em comemoração ao lançamento das candidaturas aprovadas.  

“A conduta dos organizadores e apoiadores do evento coloca em risco e despreza o sacrifício que está sendo feito, inclusive pela sociedade civil, para preservar a vida e a saúde”. destacou a promotora de Justiça. Ela complementou que não é a primeira vez que a legislação municipal e estadual foi descumprida com a organização de eventos políticos na cidade, promovendo aglomerações. Um exemplo foi o evento que aconteceu no dia 17 de julho para recepcionar o deputado federal Paulo Magalhães em visita ao município. 

MP pede que candidatos cumpram leis em pandemia; casos podem gerar prisão

 


O Ministério Público do Estado (MP-BA) expediu nesta quarta-feira (16) recomendações sobre cuidados em meio à pandemia do novo coronavírus para prefeituras e candidatos de oito municípios. Na lista estão Lauro de Feitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), Irecê, São Gabriel e Presidente Dutra, no Centro Norte; Cícero Dantas, Fátima, Antas e Novo Triunfo, no Nordeste do estado.

As promotorias pedem que os candidatos usem máscaras e evitem aglomerações, como comícios, carreatas, passeatas, caminhadas, reuniões e confraternizações. Nas solicitações, o MP-BA cobra que em caso de descumprimento, o candidato deve ser levado às delegacias locais e responder pelo crime de infração de medida sanitária, que prevê pena de detenção de um mês a um ano, além de multa. Os promotores também requisitaram que as prefeituras façam cumprir os decretos e que orientem os candidatos em relação às medidas de contenção da pandemia.

Os pedidos já têm validade ainda na pré-campanha que está em curso. De acordo com os promotores, os pedidos têm como referências lei federal [13.979/20] e decretos do governo do Estado e dos municípios.Fonte:Bahia Noticias
 

segunda-feira, 14 de setembro de 2020

Senadores se mobilizam para manter o valor de R$ 600 do auxílio emergencial

 

A medida provisória que prorroga o auxílio emergencial já recebeu mais de 260 sugestões de mudanças à proposta original do governo.

A maioria das emendas é pela manutenção do valor de R$ 600. Diante da persistência da pandemia, o governo federal decidiu liberar quatro parcelas de R$ 300 e estabeleceu que o programa se encerrará em dezembro independentemente do pagamento de todas as cotas.

Além disso, excluiu diversos beneficiários, a exemplo de quem conseguiu emprego ou recebe benefício previdenciário ou assistencial. O líder do PT, Rogério Carvalho (SE), citou que a gravidade da situação não permite a redução do valor do benefício. Já o vice-líder do governo, Chico Rodrigues (DEM-RR), argumentou que não há dinheiro para a parcela maior.

A MP 1000/2020 ainda será votada pelos plenários da Câmara dos Deputados e do Senado. As informações são da repórter Hérica Christian.

Neste domingo não houve registros de novos casos da COVID-19 em Serrinha

 

A Prefeitura de Serrinha informa que neste domingo, 13/09, não foram confirmados novos casos de coronavírus. Sendo assim, a cidade se mantém um total de 1.131 casos da Covid-19.

PRIMEIRA TABELA (resultados LACEN)
Serrinha registra um total de 3 casos suspeitos e 430 casos positivos diagnosticados através do teste do LACEN.

SEGUNDA TABELA (resultados testes rápidos)
Hoje não foram realizados testes rápidos.

TJ-BA estabelece que cartórios só receberão pagamentos após prestação do serviço

 

Um provimento publicado pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) no último dia 8 de setembro determina que os cartórios do estado só recebam os pagamentos após a prestação do serviço, e não mais antecipadamente, como era mais comum até então.

A medida é fruto de pleito do Fórum Empresarial da Bahia e da Frente Parlamentar para melhoria da prestação dos serviços dos cartórios de registro. A decisão entende que compete ao Poder Judiciário baiano, como autoridade delegante dos serviços notariais e de registro, zelar para que estes sejam prestados com rapidez, qualidade e eficiência. O provimento também estabelece que cabe à Corregedoria de Justiça a orientação, fiscalização e organização dos serviços extrajudiciais, a fim de assegurar o bom funcionamento da prestação dos serviços.

"Esta importante mudança atinge a todos, beneficiando, resolvendo e agilizando o processo para toda a população, seja no ambiente de negócios, seja para as pessoas físicas. A assertividade da decisão da Corregedoria está em trazer o pagamento pelos Serviços Notariais e de Registro para a dinâmica da maior parte dos serviços prestados: contrata-se, presta-se e, só então, recebe-se, fazendo com que o serviço passe a ser prestado com qualidade e rapidez para todas as partes envolvidas. No caso específico dos Cartórios de Registro de Imóveis, o monopólio somado à antecipação dos pagamentos tornava o processo moroso, desgastante e injusto", celebra nota do Fórum.

BN/ Séculus: Em Serrinha, prefeito Adriano Lima lidera corrida eleitoral

 

O atual prefeito de Serrinha, Adriano Lima (MDB), lidera a corrida eleitoral no município, segundo o levantamento Bahia Notícias em parceria com a Séculus Análise e Pesquisa. Adriano é o mais citado nos levantamentos espontâneo e estimulado e tem uma administração bem avaliada pelos 600 entrevistados pela pesquisa. O ex-prefeito Osni Cardoso (PT) aparece na segunda posição, porém lidera o índice de rejeição.


No levantamento estimulado, quando são citados os nomes dos candidatos, Adriano Lima ap

arece com 37,5% das intenções de voto, à frente do Osni, que pontua com 26,25%. Berg da Aragon é opção para 7,5% dos eleitores, enquanto que 12,5% indicam que não votariam em nenhum dos três postulantes. O mesmo percentual indicou não saber em quem votar e apenas 3,75% não opinou.

Adriano lidera também quando não são apresentados os nomes dos postulantes à prefeitura. Nessa situação, o atual prefeito receberia o voto de 27,5% dos eleitores. Osni teria 11,75% e Berg 2,5%. Ferreirinha foi lembrado por 7,75% dos entrevistados. Ainda foram citados, com até 1%, os nomes de Dona Elena (0,50%), Lulu (0,75%) e Viviane (1%). Não souberam ou não opinaram 24,25% e 15% indicaram não ter candidato no pleito de novembro.

No quesito rejeição, o ex-prefeito Osni Cardoso é quem aparece à frente, não sendo opção para 28,25%, seguido de perto por Berg da Aragon, com 25,75%. O atual prefeito tem rejeição de 18,75% dos eleitores. Não souberam ou não opinaram 12,5% dos entrevitados, enquanto 15% indicaram que não rejeitam nenhum dos candidatos.

AVALIAÇÃO DA GESTÃO

Candidato à reeleição, Adriano Lima tem a gestão avaliada como boa por 23,5% dos eleitores e ótima para 8,75%. Para a maior parte dos entrevistados, 48,75%, a administração dele é regular; 11,5% consideram a gestão péssima; e 6,75% consideram ruim. Apenas 0,75% dos eleitores optou por não responder.

O levantamento ouviu 600 pessoas entre os dias 08 e 09 de setembro. Tem intervalo de confiança de 95% e margem de erro de 4% para mais ou para menos e está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob nº BA-06665/2020.Fonte:BAHIA NOTICIAS

Bolsonaro veta perdão a dívidas de igrejas, mas aconselha Congresso a derrubar veto

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) atendeu à recomendação do ministro Paulo Guedes e vetou dispositivo que concedia anistia em tributos a serem pagos por igrejas no país, medida que poderia ter impacto de R$ 1 bilhão. O veto, que pode ser derrubado pelo Congresso, foi assinado na sexta-feira (11), data-limite para sanção da proposta, e será publicado no "Diário Oficial da União" desta segunda-feira (14).

Com a medida, Bolsonaro atende a Guedes, mas desagrada um dos setores que apoiam seu governo. Nos últimos dias, a bancada evangélica na Câmara vinha pressionando para evitar o veto. Uma emenda ao projeto de litígios com a União foi apresentada pelo deputado federal David Soares (DEM-SP) e aprovada pela Câmara em julho e, depois, pelo Senado em agosto. Ele é filho de R.R. Soares, pastor fundador da Igreja Internacional da Graça de Deus, uma das principais devedoras.

O texto altera a lei de 1988 que instituiu a CSLL (Contribuição Social sobre Lucro Líquido). O dispositivo vetado retirava templos da lista de pessoas jurídicas sobre as quais incidia a contribuição. Além disso, anulava as autuações que descumprissem a premissa.

A justificativa é que a Constituição dá proteção tributária às igrejas, mas o argumento é contestado. Na visão de membros do Fisco, as igrejas muitas vezes pagam salários a um grande número de pessoas, de empregados a pastores, e classificam os repasses com outros nomes. Como muitas vezes as igrejas têm um grande número de empregados, a União deixa de recolher um volume significativo de recursos em Imposto de Renda e contribuições previdenciárias.

Bolsonaro já vinha sinalizando que vetaria a anistia às igrejas. Além da equipe econômica, o setor jurídico do Palácio do Planalto também defendeu que a medida não entrasse em vigor. O presidente, no entanto, sancionou dispositivo que anula autuações da Receita anteriores a uma lei de 2015 que determinou que os valores pagos, em dinheiro ou como ajuda de custo, a ministros ou membros de ordem religiosa não configuram remuneração direta ou indireta. O artigo sancionado por Bolsonaro anula autuações anteriores a junho de 2015, data de publicação da regra.

Em um primeiro momento, a proposta havia sido rejeitada na Câmara. O deputado Fábio Trad (PSD-MS), relator, afirmou que estava se tentando estabelecer algo que a Constituição não diz. A imunidade constitucional é restrita a impostos, não alcançando as contribuições sociais. Já sobre o segundo ponto, acerca dos valores recebidos por pastores, Trad considerou a norma desnecessária. Mesmo assim, os trechos foram inseridos no projeto de lei, que foi aprovado na Câmara e seguiu ao Senado.

A indicação do presidente de que vetaria o perdão às igrejas desagradou integrantes da bancada evangélica, que discutiram o assunto com o chefe do Poder Executivo na quarta-feira (9). Da equipe econômica, parlamentares evangélicos ouviram que, se o presidente não vetasse o perdão das dívidas, estaria incorrendo em crime de responsabilidade fiscal, o que poderia dar origem a um processo de impeachment. O grupo ouviu a justificativa com desconfiança e tentou reverter a decisão até o momento em que Bolsonaro assinou o veto, na sexta (11).

Ao longo da última semana, deputados fizeram ameaças veladas. Um deles ponderou que o valor da anistia era muito pequeno se comparado ao apoio que Bolsonaro tem da bancada da Bíblia. Outro parlamentar do segmento disse que o provável veto é um "péssimo sinal" e tratou a questão como traição a um de seus principais grupos de sustentação tanto na campanha como no governo.

A Frente Parlamentar Evangélica do Congresso Nacional é composta por 195 dos 513 deputados e por 8 dos 81 senadores. Conforme já mostrou o jornal Folha de S.Paulo, somente na Receita Federal o total de débitos pendentes de entidades religiosas é de aproximadamente R$ 1 bilhão, de acordo com informação colhida pelos auditores a pedido do Congresso em meados do ano passado. Na PGFN (Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional), havia na mesma época outros R$ 462 milhões em dívidas registradas.
 

Mano indica jogo contra o Corinthians como limite para avaliar carências do Bahia

 

Após a derrota do Bahia para o Atlético-GO no último domingo (13), em Pituaçu, o técnico Mano Menezes voltou a falar sobre a necessidade de reforços para o time. O comandante tricolor indicou que o jogo contra o Corinthians na próxima quarta-feira (16), na Neo Química Arena, será o limite para indicar as necessidades para o elenco. O objetivo é trazer reforços que trabalhem com a equipe durante o período de dez dias sem jogos.

"Quando a direção do Bahia e eu estávamos ajustando o contrato, o presidente se predispôs, como diretoria do Bahia, para que a gente analisasse as questões de reforços. Essa é uma é uma ideia que vem se desenvolvendo e analisando dentro do departamento de futebol. Eu disse a ele que gostaria de pelo menos ver os jogadores um pouco mais. Nosso limite que estabelecemos é o jogo contra o Corinthians. Depois disso teremos uma parada de dez dias. Existe essa ideia, mas temos que saber onde vamos atacar, com quem vamos contar, os setores que precisamos encontrar soluções que não estejam aqui. Essas discussões são sempre melhores de fazer de forma interna. Não vamos expor atleta", afirmou.

Mano reconheceu a dificuldade que o time vem passando e pontuou que o tempo para trabalhar será o remédio para uma melhoria de rendimento.

"Temos que melhorar como equipe. Estamos em dificuldade, como outras equipes também vão atravessar. Agora com trabalho, mais tempo para treinar. Afinal de contas, fizemos um treinamento de 45 minutos com a equipe que jogou. Não mais que isso porque os jogadores precisam estar mais voltados para recuperação. A saída de bola tivemos dificuldade porque o Atlético-GO nos pressionou alto e voltamos muito a bola para os nossos zagueiros. Acho que quando a bola chega na linha de volantes, a sequência natural para frente da jogada para que ela saia com mais qualidade. A equipe melhorou um pouco a sua exposição defensiva, não sofreu tanto defensivamente como em outros jogos, mas temos que chegar no equilíbrio, esse famoso equilíbrio que é ter segurança e capacidade ofensiva para construir resultados positivos", explicou.

O Bahia está na 16ª posição da competição nacional, com nove pontos. Os tricolores vivem um duro jejum de sete partidas sem triunfos.

sexta-feira, 11 de setembro de 2020

Serrinha registra 18 curas e 9 casos da COVID-19

 

A Prefeitura de Serrinha informa que nesta quinta-feira, 10/09, foram confirmados 09 novos casos de coronavírus e outros 07 foram descartados. Sendo assim, a cidade atinge um total de 1.124 casos da Covid-19.

PRIMEIRA TABELA (resultados LACEN)
Serrinha registra um total de 22 casos suspeitos e 424 casos positivos diagnosticados através do teste do LACEN.

SEGUNDA TABELA (resultados testes rápidos)
Hoje foram realizados 78 testes rápidos, destes 07 foram positivos. 8.365 testes rápidos foram realizados pela Secretaria Municipal de Saúde.

TERCEIRA TABELA (total)
Hoje 18 pessoas foram consideradas curadas, com isso a junção das informações das duas tabelas anteriores mostra que Serrinha registra um total de 1.124 casos do novo Coronavírus, com 1.075 pessoas curadas e nove óbitos.
Os pacientes positivos são 4 mulheres e 5 homens. As mulheres têm 04, 11, 28 e 53 anos. Os homens têm 11 meses, 42, 50, 60 e 66 anos.

Bahia fecha 9ª rodada como a pior defesa do Campeonato Brasileiro

 


A derrota do Bahia para o Grêmio por 2 a 0 na última quinta-feira (10) levou o Bahia ao sexto jogo sem vencer no Campeonato Brasileiro e deu mais um ponto negativo para a campanha. Com 14 gols sofridos, o time tricolor fechou a 9ª rodada como pior defesa da competição ao lado do Bragantino.

O Esquadrão de Aço, que começou a Série A sendo treinado por Roger Machado, só não sofreu gol na estreia contra o Coritiba vencida por 1 a 0. De lá até aqui, são sete partidas seguidas vendo a sua própria rede ser balançada.

A derrota mais dura da equipe foi por 5 a 3 diante do Flamengo, justamente a partida que ocasionou a demissão de Roger. Agora, o Bahia tem o comando de Mano Menezes, que terá a missão de ajustar o setor defensivo.

Com 9 pontos, o Tricolor caiu para a 15ª posição da competição nacional. Com Mano na área técnica, o grupo volta a entrar em campo no próximo domingo (13), às 18h, contra o Atlético Goianiense.

As piores defesas do Brasileirão até a 9ª rodada:

Bahia e Bragantino - 14 gols sofridos
Goiás - 13 gols sofridos
Ceará, Corinthians e Fluminense - 12 gols sofridos
Flamengo, Atlético-GO e Sport - 11 gols sofridos

Wagner acusa governo Bolsonaro de intervir ilegalmente na Bahia em disputa de terras

O senador Jaques Wagner (PT) apresentou Projeto de Decreto Legislativo para sustar portaria do Ministério da Justiça, em apoio ao Ministério da Agricultura, que autoriza o emprego da Força Nacional de Segurança Pública em assentamentos do Movimento dos Sem Terra (MST), nos municípios de Prado e Mucuri, no extremo-sul baiano.

O ex-governador quer que os órgãos expliquem o motivo da intervenção na disputa de terras que ocorre entre movimentos sociais. O imbróglio oficialmente registrou pelo menos oito pessoas feridas, casas destruídas e mais dois lotes, um trator e uma moto incendiados. O caso está sob investigação da Polícia Federal.

“A população baiana foi surpreendida com a decisão do governo federal de enviar a Força Nacional de Segurança Pública ao estado da Bahia. Questões foram levantadas quanto à forma, conteúdo e necessidade desse envio, posto que o Governo da Bahia não foi previamente informado e demandado, como se exige em uma República Federativa, o que representa uma suposta intervenção federal. Os requisitos legais não foram respeitados”, destacou Wagner.

Nos requerimentos, o senador cobra por respostas imediatas para que os trâmites sejam esclarecidos o quanto antes. “Estamos atentos e não admitiremos qualquer interferência indevida no estado. O governo federal precisa esclarecer a base legal utilizada para essa ação”, acrescentou.Fonte:Bahia Noticias