OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET  MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

Você está ouvindo:Rádio Clube Serrinha.NET

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE
Endereço: Av. Dep. Manoel Novaes, 670 - Centro, Serrinha - BA, 48700-000 Telefone: (75) 3261-1889

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
DISSE JEOVÁ DEUS:"Este povo se aproxima de mim com a boca e me honra com os lábios,mas o seu coração está muito longe de mim;E a adoração que me prestam se baseia em regras de homens, que lhes foram ensinadas.Por isso, mais uma vez farei coisas espantosas com este povo,uma coisa espantosa após outra;A sabedoria dos seus sábios acabará,e o entendimento dos seus homens sensatos se esconderá". Isaías 29:1-24

terça-feira, 20 de agosto de 2019

Faixa pelos 500 dias da prisão de Lula causa polêmica na AL-BA


Uma faixa erguida na galeria da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) em alusão aos 500 dias de prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva gerou polêmica no início da sessão desta terça-feira (20). O embate começou a partir do pedido do deputado Targino Machado (DEM), líder da oposição, à Mesa Diretora para que o cartaz fosse retirado. "É uma ofensa à sociedade, isso é uma aberração, uma apologia ao crime", bradou o democrata.

Rosemberg
"Aqui cada um pode expressar as suas verdades, ninguém aqui está fazendo apologia a crime. O deputado levanta uma prerrogativa jurídica e, sendo médico, não precisa entender das questões jurídicas. São manifestações legítimas", reagiu o líder do governo, Rosemberg Pinto (PT), ao sinalizar que não há amparo regimental para deferir a questão colocar a por Targino.

Enquanto o tema ainda era discutido, diversos deputados da base do governador Rui Costa (PT) enfileiraram-se no plenário com placas "500 dias de injustiça". O presidente da Casa, Nelson Leal (PP), decidiu manter a faixa no plenário, prometendo apresentar até as 11h desta quarta-feira um parecer da Mesa Diretora.

Os deputados governistas Adolfo Menezes (PSD) e Fabrício Falcão (PCdoB) ainda fizeram coro em favor da manutenção dos cartazes que pedem a liberdade de Lula.Fonte:Bocão News