NOVA RÁDIO CLUBE SERRINHA 24 HORAS NO AR

RADIOS NET:MELHOR PLATAFORMA DE RÁDIOS

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
DISSE JEOVÁ DEUS: "Eles têm na boca uma língua falsa. Portanto, eu golpearei você e o ferirei, Deixando-o devastado por causa dos seus pecados. Você comerá, mas não ficará satisfeito; Haverá um vazio dentro de você. Você tentará colocar seus bens em lugar seguro, mas não conseguirá salvá-los; E o que você conseguir levar, eu entregarei à espada. Você semeará, mas não colherá. Pisará azeitonas, mas não usará o azeite; E pisará uvas, mas não beberá o vinho".Miqueias 6:1-16

sexta-feira, 9 de abril de 2021

Pneumologista alerta sobre doenças respiratórias devido à variação de temperatura

 

Quando há mudanças na temperatura você costuma ter resfriados? As variações climáticas fazem com que o mecanismo de adaptação do sistema respiratório fique com baixa imunidade.

O médico pneumologista Renato Pires Freitas, explicou em entrevista ao Acorda Cidade, que as células de defesa ficam mais imobilizadas e os movimentos se tornam lentos, provocando secreções nas vias respiratórias.

"Precisamos esclarecer que a mudança da temperatura do indivíduo saindo de uma local muito quente para um mais frio, ocorre pelo mecanismo de adaptação em nosso sistema respiratório e isso faz com que baixe a nossa imunidade e as células de defesas locais ficam mais imobilizadas e os movimentos ficam mais lentos, juntando a secreção na via respiratória, facilitando as infecções. É importante ressaltar que a principal causa de infecção respiratória no frio, são as aglomerações, porque quando a temperatura baixa, as pessoas tendem a ficar em casa e se aglomerar, se uma dessas pessoas estiverem doentes, a transmissão aérea se processa e todos ficam doentes", explicou.

De acordo com o pneumologista, o ar seco durante o período mais quente, prejudica as funções do aparelho respiratório, provocando infecções.

"Uma das funções do aparelho respiratório é umidificar o ar que respiramos da natureza. Se esse ar está muito seco, o que acontece? Esse mecanismo de umidificação trabalha muito mais, mas não conseguem umidificar o ar que respiramos e com isso gera um ressecamento das vias respiratórias, resseca as secreções e dificulta a drenagem pelas vias, consequentemente facilitando a infecção", destacou o médico.

Pessoas que possuem doenças crônicas devem ter bastante cuidado. Segundo o médico Renato Pires Freitas, estes pacientes possuem imunidade baixa e com a condição adversa do ar, as infecções são mais frequentes.

"As pessoas que são dispostas e que sofrem de doenças crônicas como diabetes, doenças de enfisema pulmonar, doenças cardíacas e estão em tratamento de câncer, essas pessoas possuem baixa imunidade e com a condição adversa do ar, as infecções são mais frequentes e mais perigosas", relatou o pneumologista.

Como forma de evitar as doenças respiratórias, o médico Renato Pires Freitas destacou a importância de evitar as mudanças agudas de uma temperatura para outra.

"É preciso evitar essa transação de uma temperatura muito alta para uma temperatura mais baixa de forma rápida. Se o ar estiver seco, usar umidificadores, se o local estiver quente, procurar ir para um local mais sombreado. É muito comum as pessoas nos momento de temperatura mais elevada, ao sair de um lugar na prática esportiva se empanturrar de sorvetes e com isso, a temperatura do corpo cai de vez e por isso, as vias ficam enfraquecidas e se instala as infecções, como as gripes, resfriados, bronquites e pneumonia", finalizou.

Com informações do repórter Ney Silva do Acorda Cidade