OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET  MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

Você está ouvindo:Rádio Clube Serrinha.NET

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE
Endereço: Av. Dep. Manoel Novaes, 670 - Centro, Serrinha - BA, 48700-000 Telefone: (75) 3261-1889

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
DISSE JEOVÁ DEUS:"E continua profanando essa terra com a sua prostituição e a sua maldade.Por isso as chuvas abundantes estão retidas,e não tem chovido na primavera. Você tem o olhar descarado de uma esposa que se prostitui;Você se recusa a sentir vergonha.Agora você clama a mim, dizendo:Meu Pai, tu és meu companheiro desde que eu era jovem!Devias tu ficar ressentido eternamente,ou guardar rancor para sempre? Isso é o que você diz,Mas continua a fazer maldades até não poder mais". Jeremias 3:1-25

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Correios diz que paralisação dos funcionários é parcial e não afeta serviços


A paralisação dos funcionários dos Correios iniciada na última terça-feira (10) (relembre aqui), é parcial e não afeta os serviços de atendimento da estatal segundo a própria categoria e os sindicatos.

A empresa já colocou em prática seu Plano de Continuidade de Negócios para minimizar os impactos à população. Medidas como o deslocamento de empregados administrativos para auxiliar na operação, remanejamento de veículos e a realização de mutirões estão sendo adotadas.

Levantamento parcial realizado na nesta quarta-feira (11) mostra que 82% do efetivo total dos Correios no Brasil está trabalhando regularmente. Na Bahia, 75,26% dos empregados estão trabalhando normalmente, segundo os Correios.

Os Correios estão executando um plano de saneamento financeiro para garantir sua competitividade e sustentabilidade. Desde o início de julho, a empresa participa de reuniões com os representantes dos empregados, nos quais foram apresentada a real situação econômica da estatal e propostas para o acordo dentro das condições possíveis, considerando o prejuízo acumulado, atualmente na ordem de R$ 3 bilhões.