OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE
Endereço: Av. Dep. Manoel Novaes, 670 - Centro, Serrinha - BA, 48700-000 Telefone: (75) 3261-1889

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
DISSE JEOVÁ DEUS:"Você apenas verá com os seus olhos,será testemunha da punição dos maus. Visto que você disse: “Jeová é o meu refúgio”, Fez do Altíssimo a sua morada; Nenhum desastre virá sobre você, E nenhuma praga se aproximará da sua tenda. Pois ele dará aos Seus anjos uma ordem referente a você,para protegê-lo em todos os seus caminhos". Salmos 91:1-16

quinta-feira, 23 de abril de 2020

TJ-BA obriga hotéis de Caetité a hospedar funcionários da Chesf


O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) autorizou a abertura dos hotéis de Caetité para hospedar, exclusivamente, funcionários da Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), em razão de a empresa ter alegado estar com as atividades comprometidas por falta de mão de obra suficiente.

Desta forma, a Chesf recorreu ao tribunal baiano sob o argumento de que o fornecimento de energia elétrica ao município de Caetité, serviço essencial à população, ficaria prejudicado, caso os funcionários não tivessem onde se hospedar na região.

O desembargador Maurício Kertzman Szporer se absteve de julgar o mérito da questão, que envolve a discussão de competência de estados e municípios para impor medidas restritivas, matéria já julgada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), e decidiu em caráter liminar pela autorização de hospedagem a funcionários da Chesf.

De acordo com o magistrado, “sendo a Agravante concessionária dos serviços públicos federais de geração e transmissão de energia elétrica, sua atividade é enquadrada enquanto serviço essencial, na medida em que atua na geração, transmissão e distribuição de energia elétrica, incluído o fornecimento de suprimentos para o funcionamento e a manutenção das centrais geradoras e dos sistemas de transmissão e distribuição de energia”.

O desembargador ainda ressaltou que a companhia juntou ao pedido diversas comprovações de que tem adotado os cuidados sanitários para a prevenção da Covid-19, motivo pelo qual não há motivo para impedir a hospedagem de “técnicos necessários à prestação do serviço público essencial de energia elétrica na Cidade”.

O mandado de segurança foi impetrado em face do prefeito de Caetité, Aldo Ricardo Cardoso Gondim, e caso a decisão liminar não seja cumprida, poderá ensejar responsabilidade pessoal do gestor.