OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE
Endereço: Av. Dep. Manoel Novaes, 670 - Centro, Serrinha - BA, 48700-000 Telefone: (75) 3261-1889

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
DISSE JEOVÁ DEUS:"Você apenas verá com os seus olhos,será testemunha da punição dos maus. Visto que você disse: “Jeová é o meu refúgio”, Fez do Altíssimo a sua morada; Nenhum desastre virá sobre você, E nenhuma praga se aproximará da sua tenda. Pois ele dará aos Seus anjos uma ordem referente a você,para protegê-lo em todos os seus caminhos". Salmos 91:1-16

sábado, 11 de abril de 2020

Mandetta: “Quem faz aglomeração, daqui a pouco vai se lamentar”


O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, visitou o Hospital de Campanha de Goiás, em Águas Lindas, neste sábado (11), ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). A presença do chefe do Executivo provocou uma aglomeração de pessoas no local.

Ao ser questionado sobre a presença dos apoiadores, o titular do Ministério da Saúde disse que “não era ninguém para julgar” e pontuou que não falava “sobre política”.

No entanto, o ministro afirmou que as recomendações para o isolamento social continuam e devem ser seguidas. “Eu posso recomendar, não posso viver a vida dos outros. As pessoas que estão fazendo aglomerações daqui a pouco são as mesmas que vão estar se lamentando”, alertou.

Mandetta se mostrou incomodado com a quantidade de gente em volta dele. Ainda reclamou com jornalistas que faziam a cobertura da visita. “Acredito que o distanciamento é bom, inclusive estou totalmente desconfortável com esse tanto de microfone em mim”, disparou.

O chefe da Saúde esteve em Águas Lindas com o presidente Bolsonaro, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, e o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas.

Eles foram conferir as obras do primeiro Hospital de Campanha do governo federal, construído na cidade a pedido do governador do estado. A unidade de saúde terá 200 leitos e deverá ficar pronta em 15 dias.

Mandetta informou também que um segundo Hospital de Campanha será erguido em Manaus. As obras devem começar neste domingo (12).