OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE
Endereço: Av. Dep. Manoel Novaes, 670 - Centro, Serrinha - BA, 48700-000 Telefone: (75) 3261-1889

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
DISSE JEOVÁ DEUS:"Defendam a justiça e a retidão. Livrem das mãos dos exploradores os que estão sendo roubados. Não maltratem nenhum residente estrangeiro, nem prejudiquem nenhum órfão ou viúva". Jeremias 22:1-30

terça-feira, 14 de abril de 2020

Coronavírus: Presidente do Vitória, Paulo Carneiro descarta abrir mão dos seus salários


Por conta da pandemia do novo coronavírus, muitos dirigentes esportivos têm aceitado reduzir seus vencimentos ou mesmo abrir mão deles. Paulo Carneiro, presidente do Vitória, descartou a possibilidade de não receber salários enquanto perdurar a crise. O gesto é o contrário do que fez Geninho, treinador da equipe rubro-negra (relembre aqui).

“Claro que não. Alguém abre mão de vultuoso salário, Jorge? Eu não abro. Como sou eu que contrato Geninho, eu preferi afastar Geninho e ele só volta quando o futebol voltar. Se eu sou o contratante, eu tenho que ganhar um salário vultuoso não é não?”, afirmou em entrevista ao Canal do Nicola, no Youtube. “[Geninho] Abriu mão de 90% da imagem. E o salário em carteira é muito pequeno. Ele fez o que eu esperava. O Vitória não vai conseguir pagar um salário a um treinador sem jogo. Como se faz isso?”, acrescentou.

O salário do presidente do Vitória equivale a 65% do teto do funcionalismo público, o que equivale a cerca de R$ 25 mil.

O futebol está suspenso em virtude da pandemia. Ainda não existe previsão de retomada das competições no Brasil.