OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET  MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

Você está ouvindo:Rádio Clube Serrinha.NET

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE
Endereço: Av. Dep. Manoel Novaes, 670 - Centro, Serrinha - BA, 48700-000 Telefone: (75) 3261-1889

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
DISSE JEOVÁ DEUS: "Estou para trazer sobre este lugar uma calamidade que fará tinir os ouvidos de quem ouvir falar dela. Farei isso porque eles me abandonaram e tornaram este lugar irreconhecível.Nele estão oferecendo sacrifícios a outros deuses, que nem eles, nem os seus antepassados, nem os reis de Judá conheciam, e encheram este lugar com o sangue dos inocentes. Eles construíram os altos sagrados de Baal para queimar no fogo seus filhos como ofertas a Baal, algo que eu não havia ordenado nem falado e que jamais havia ocorrido no meu coração". Jeremias 19:1-15

segunda-feira, 22 de março de 2021

Maior parte dos brasileiros não se considera nem bolsonarista nem lulista, indica pesquisa

A maior parte dos brasileiros não se considera nem bolsonarista nem lulista. Foi isso que disseram 46,3% dos entrevistados pelo instituto Paraná Pesquisas de segunda (15) a sexta-feira (19) da semana passada.

A segunda maior parcela é composta por 27,6% da população que se diz apoiadora do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), enquanto 22,3% se declaram a favor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Outros 3,8% não sabem ou não responderam à questão.

O detalhamento da pesquisa mostra ainda que os homens são mais bolsonaristas (33,4% contra 19,9% lulistas) e as mulheres são mais lulistas (24,4% contra 22,4% bolsonaristas). No entanto, nos dois grupos, a maior parte não se identifica com nenhum dos políticos.

O Paraná Pesquisas chegou a esses resultados após entrevistar 2.100 pessoas, espalhadas em 200 municípios, por telefone. Tal amostra representativa gerou um grau de confiança de 95%, com margem de erro de aproximadamente 2,0%.