OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET  MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

Você está ouvindo:Rádio Clube Serrinha.NET

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE
Endereço: Av. Dep. Manoel Novaes, 670 - Centro, Serrinha - BA, 48700-000 Telefone: (75) 3261-1889

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
DISSE JEOVÁ DEUS:"Será que alguma nação já trocou os seus deuses por outros que não são deuses? Mas o meu próprio povo trocou a minha glória por aquilo que é inútil.Olhem espantados para isso, ó céus;Tremam, tomados de horror’, diz Jeová, ‘Pois o meu povo fez duas coisas más: Abandonaram a mim, a fonte de água viva,e cavaram cisternas,cisternas rachadas, que não podem reter água." Jeremias 2:1-37

terça-feira, 3 de março de 2020

Barra: Cais desmorona após chuva forte atingir município no oeste da Bahia


Parte do cais do município de Barra, no oeste baiano, desabou na madrugada desta terça-feira (3). O incidente, que não deixou feridos, foi motivado pelas fortes chuvas que atingiram a cidade.

Segundo o secretário de Governo da prefeitura, Juan Félix, o cais situado no encontro entre o Rio Grande e o Rio São Francisco caiu aproximadamente 25 metros. Junto com ele, dois postes também foram derrubados.

"A princípio, a área está segura, isolada. O que ocorre é que esse ponto do cais é o local onde se encontram os dois rios e existe uma forte correnteza em forma de redemoinho. Com a chuva, a enxurrada, aí isso acabou forçando o cais, justamente com o desgaste do assoreamento embaixo dele", esclarece Félix em contato com o Bahia Notícias.

No momento, a gestão se dedica a tomar providências. De acordo com o secretário, uma estátua que ficava no cais já foi retirada para evitar que ela caia na água e a gestão já discute o decreto de emergência para solicitar uma ação de reconstrução e recursos através do Ministério da Integração. Além disso, Félix afirma que a Defesa Civil do estado também está acompanhando o caso.

"A nossa preocupação é o grande volume de chuvas que está caindo no município, em Barreiras e em Minas Gerais. Os dois rios têm tendência de voltar a encher e a população está apreensiva", pontua Félix.

Ainda assim, o secretário acredita que a cidade não vai enfrentar danos mais graves, pois o nível dos rios precisaria subir mais quatro metros, o que ele considera improvável. Até o momento, a gestão municipal contabilizou oito ou nove pontos de alagamentos. A Defesa Civil do município mensura o volume de chuva que caiu.Fonte:Bahia Noticias