OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

OS ENCANTOS DA ZONA RURAL:FOTOS-JOSÉ RIBEIRO

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE
Endereço: Av. Dep. Manoel Novaes, 670 - Centro, Serrinha - BA, 48700-000 Telefone: (75) 3261-1889

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
DISSE JEOVÁ DEUS: "Estou cumprindo as minhas palavras contra esta cidade, para a calamidade dela, não para o bem; e naquele dia você verá isso acontecer.Mas eu vou livrá-lo naquele dia, diz Jeová, e você não será entregue aos homens de quem tem medo. Pois eu certamente o livrarei, e você não cairá à espada. Você terá a sua vida como despojo porque confiou em mim,diz Jeová". Jeremias 39:1-18

quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Ação coordenada vai fiscalizar o uso irregular de carrinhos de mão na feira

Esta semana a Prefeitura de Serrinha, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Serviços Públicos (SEDESP), vai promover uma grande fiscalização na feira da cidade. A ação coordenada vai acontecer nos dias 7,8 e 9 de novembro e vai envolver, também, o Conselho Tutelar, a Coordenação de Trânsito, a Vigilância Sanitária e as secretarias de Infraestrutura, do Meio Ambiente e a Assistência Social.

O objetivo é fiscalizar e coibir o uso irregular de carrinhos de mão para a venda de legumes, verduras, frutas e outros alimentos. Além disso, impedir, que crianças exerçam o trabalho de adultos na venda desses produtos. Vale lembrar que o trabalho infantil já é uma prática proibida pelo Estatuto da Criança e do Adolescente. A ação tem início esta semana e depois se tornará frequente.

O secretário Hermano Amador lembra que o uso de carrinhos de mão é um risco para a saúde das pessoas por conta de muitos desses equipamentos estarem em péssimas condições de uso, incluindo pontos de ferrugem. “Também já existem um TAC - Termo de Ajuste de Conduta, firmado entre o Ministério Público e os feirantes para que não usem esses carrinhos”, afirma o secretário. Além disso, o uso desses carrinhos irregulares atrapalha a organização e o fluxo da feira. “Os próprios feirantes que estão dentro da lei reclamam desta situação e pedem pra que a Prefeitura tome providências. É isso que estamos fazendo”, afirma o coordenador de Mercados e Feiras Livres da SEDESP, Jean Charles.

Fonte: ASCOM