OS ENCANTOS DA ZONA RURAL

OS ENCANTOS DA ZONA RURAL

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET  MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

Você está ouvindo:Rádio Clube Serrinha.NET

ARENA SHOPPING SERRINHA.: O MAIS MODERNO CAMPO SOCIETY DA CIDADE

ARENA SHOPPING SERRINHA.: O MAIS MODERNO CAMPO SOCIETY DA CIDADE
ARENA SHOPPING SERRINHA. Muito boa a iniciativa de trazer mais uma opção de lazer para a nossa cidade, além de valorizar mais o local onde se encontra o referido empreendimento!!!!

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE
Endereço: Av. Dep. Manoel Novaes, 670 - Centro, Serrinha - BA, 48700-000 Telefone: (75) 3261-1889

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
"Eu sou Jeová. Esse é o meu nome;Não dou a minha glória a nenhum outro,nem o meu louvor a imagens esculpidas. Vejam, as primeiras coisas já aconteceram;Agora estou anunciando coisas novas. Antes que ocorram, eu as revelo a vocês". Isaías 42:1-25

terça-feira, 30 de julho de 2019

Ex-Comissão da Verdade, Galo rechaça declarações de Bolsonaro sobre Ditadura


O deputado estadual Marcelino Galo (PT), que presidiu a Comissão Especial da Verdade na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), rechaçou as declarações do presidente Jair Bolsonaro (PSL) sobre o pai do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, desaparecido durante a ditadura militar. Sob o comando de Galo, a Comissão da Verdade foi responsável pela devolução simbólica dos mandatos de 13 deputados estaduais cassados entre 1964 e 1969.

“Bolsonaro se refere a Ditadura Militar, que matou e torturou milhares de civis pela mão armada do Estado, como algo sem importância. Mães, pais, familiares perderam seus entes queridos, e muitos até hoje não puderam sequer sepultar estes corpos. Suas declarações são um verdadeiro atentado contra a dignidade humana das vítimas da Ditadura”, disse.

Marcelino Galo lembrou ainda do trabalho na Comissão Especial da Verdade, iniciado em 2013 na AL-BA e também na Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública. “Ao invés de repudiar o período sombrio da história do nosso país, vivido durante a Ditadura Militar, as injustiças e tudo aquilo que tanto manchou e prejudicou a vida nacional para que não mais se repita, o presidente Bolsonaro faz questão de exaltar os torturadores e assassinos da época. Uma verdadeira vergonha para a imagem do Brasil”.