OS ENCANTOS DA ZONA RURAL

OS ENCANTOS DA ZONA RURAL

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

RÁDIO CLUBE SERRINHA .NET  MUSICA DE QUALIDADE 24 HORAS

Você está ouvindo:Rádio Clube Serrinha.NET

ARENA SHOPPING SERRINHA.: O MAIS MODERNO CAMPO SOCIETY DA CIDADE

ARENA SHOPPING SERRINHA.: O MAIS MODERNO CAMPO SOCIETY DA CIDADE
ARENA SHOPPING SERRINHA. Muito boa a iniciativa de trazer mais uma opção de lazer para a nossa cidade, além de valorizar mais o local onde se encontra o referido empreendimento!!!!

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE

BEIJO FRIO:A MELHOR SORVETERIA DA BAHIA E O MELHOR SORVETE
Endereço: Av. Dep. Manoel Novaes, 670 - Centro, Serrinha - BA, 48700-000 Telefone: (75) 3261-1889

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.

A BIBLIA É A PALAVRA DO DEUS VIVO JEOVÁ.
"Eu sou Jeová. Esse é o meu nome;Não dou a minha glória a nenhum outro,nem o meu louvor a imagens esculpidas. Vejam, as primeiras coisas já aconteceram;Agora estou anunciando coisas novas. Antes que ocorram, eu as revelo a vocês". Isaías 42:1-25

segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

Rui cita alto número de aposentados e improdutividade para justificar fim da Conder

O governador Rui Costa(foto-arquivo) justificou nesta segunda-feira (3) a extinção da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder) alegando que a empresa tem um alto número de aposentados no seu quadro de funcionários, o que cria altos custos e pouca produção. Durante entrevista coletiva, ele destacou que o governo não tem mais capacidade de dar continuidade ao órgão da maneira como ele funciona.

"Nós tentamos quatro anos negociar com os funcionários para reestruturar a empresa. A Conder tem quase 70% do seu quadro aposentado. Dos aposentados, uma boa parte acima de 70 anos. Não tem como tocar uma empresa com 500 pessoas e 370 aposentados, idosos. Fica uma empresa improdutiva e que não presta o serviço que o povo baiano precisa", declarou Rui em entrevista coletiva.

A extinção da Conder está prevista na reforma administrativa proposta pelo governo à Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) (veja mais). Rui afirmou que funcionários da empresa já buscaram a gestão estadual para contornar a decisão, mas ressaltou que são necessárias mudanças na estrutura dela. "Do jeito que está não há condição de continuar funcionando com os custos elevadíssimos", destacou.